Estação Congonhas da Linha 17-Ouro: confira o panorama das obras

0
1110
estação congonhas
Túnel de ligação construído sob a Avenida Washington Luís (Foto: Governo do Estado de São Paulo)

No dia 24 de fevereiro, o governador Geraldo Alckmin realizou uma visita de inspeção nas obras da futura Estação Congonhas da Linha 17-Ouro do Monotrilho.

A nova estação fará ligação direta com o saguão do Aeroporto de Congonhas através de um túnel de ligação construído sob a Avenida Washington Luís. Este túnel servirá também para a transposição de pedestres de um lado para o outro da avenida. Quando a Estação Congonhas estiver pronta atenderá 18 mil passageiros diariamente.

“São oito estações no Monotrilho, e esta é a Estação Aeroporto de Congonhas, ela já está bem adiantada, quase na fase de acabamento, e nós percorremos o túnel, que vai ligar a estação ao aeroporto. Temos 1.070 trabalhadores hoje na obra, oito estações do Monotrilho, depois vamos até a marginal do rio Pinheiros, que integra com o trem, com a linha 9 da CPTM, e a linha 17 integra com a linha 5 na Estação Campo Belo”, declarou o governador durante a vistoria.

A estação está planejada para ter acessibilidade completa, ventilação e iluminação natural em todos os espaços públicos, ela também terá piso tátil, quatro elevadores, 13 escadas rolantes, sete escadas fixas e seis bloqueios. Além disso, contará também com um bicicletário no acesso principal.

Foto: Governo do Estado de São Paulo

“O túnel está numa fase de conclusão das escavações. Então, o passageiro, no segundo semestre do ano que vem, quando a linha estiver pronta, vai ter acesso ao saguão do Aeroporto de Congonhas através da estação aqui do Monotrilho da Linha 17”, disse o secretário dos Transportes Metropolitanos, Clodoaldo Pelissioni.

A Estação Congonhas faz parte do trecho prioritário da Linha 17-Ouro, que terá 7,7 km de extensão e oito estações, além de conexão com a Linha 5-Lilás, na Estação Campo Belo. Atualmente, cerca de 1.200 pessoas trabalham nas obras de implantação da linha e no pátio de manutenção dos trens.

A expectativa é concluir o trecho no segundo semestre de 2019, com previsão de atender 185 mil passageiros por dia.

Leia também

Obras

No vídeo abaixo, divulgado no canal do Metrô de São Paulo no YouTube, são mostradas as obras das futuras estações Congonhas, Jardim Aeroporto, Brooklin Paulista, Vereador José Diniz, Campo Belo, Vila Cordeiro e Chucri Zaidan. Também são mostradas as obras do pátio de trens Água Espraiada.

Deixe seu comentário

comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO