Prefeitura de Mairiporã anuncia vistoria da nova frota de ônibus e redução da tarifa

323
Mairiporã Frota
Foto: Prefeitura de Mairiporã/Divulgação

A Prefeitura de Mairiporã informou que realizou nesta sexta-feira, dia 14 de agosto de 2020, uma vistoria na frota de ônibus que será disponibilizada pela empresa Eduardo Medeiros Transportes, que deve começar a operar a partir de 25 de agosto.

O contrato é emergencial e terá duração de 180 dias.

A administração municipal não renovou o contrato com a ETM – Empresa de Transportes Mairiporã, que atualmente opera o transporte coletivo na cidade.

A Prefeitura de Mairiporã anunciou que a tarifa será reduzida de R$ 4,70 para R$ 4,45.

Mairiporã Frota
Foto: Prefeitura de Mairiporã/Divulgação

Leia abaixo na íntegra a nota da Prefeitura divulgada pelo Diário do Transporte.

“A Prefeitura de Mairiporã realizou, na manhã desta sexta-feira (14), a vistoria técnica na nova frota de ônibus que começará a operar no transporte público municipal no próximo dia 25 de agosto.

O novo sistema contará com uma frota moderna, com ar-condicionado, acessibilidade, bilhetagem eletrônica, câmeras internas e a integração entre as linhas municipais. Além de todas estas novidades, a partir do dia 25 de agosto, a tarifa municipal será reduzida, passando dos atuais R$ 4,70 para R$ 4,45, conforme decreto nº 9.003, de 10 de agosto de 2020, publicado na Imprensa Oficial edição nº 946.

A empresa que irá operar o novo sistema público municipal é a Empresa Eduardo Medeiros Transportes LTDA. A Prefeitura também informa que a Secretaria de Segurança Pública, Transporte e Mobilidade Urbana, está em tratativas com as duas empresas (ETM e Eduardo Medeiros Transportes) para que a mudança ocorra de forma tranquila e ordeira, sendo que a operação irá inicialmente manter as mesmas linhas e horários existentes.

A Prefeitura solicitou, ainda, que a nova empresa contrate o maior número possível de colaboradores que fazem parte da empresa de transporte atual, tendo em vista o conhecimento que estes profissionais possuem, além de manter esses empregos na cidade.”

Deixe seu comentário