Aplicativos de transporte, ônibus e bicicleta: por que eles podem ajudar na mobilidade urbana?

A mobilidade urbana ajuda a diminuir o tempo gasto no trânsito e melhora a qualidade do ar. Veja alguns meios de transporte que contribuem com ela.

154
Mobilidade urbana Bicicleta
Publicidade

Um dos problemas de São Paulo é o congestionamento no trânsito e o tempo que se perde parado nele.

Quem mora na região metropolitana todos os dias enfrenta essa situação e, muitas vezes, nem percebe que possa haver pequenas melhoras. A região da Oeste da Grande São Paulo, apresentou uma redução do congestionamento comparando 2016 com 2018, mas isso ainda não é suficiente.

Por conta disso, cada vez mais se pensam em alternativas que possam melhorar a mobilidade urbana, tornar a vida das pessoas saudável e garantir que elas tenham tempo para outras coisas.

Veja alguns dos modelos que já são adotados e podem contribuir com a mobilidade urbana.

Aplicativos de transporte para melhorar a mobilidade urbana

Os aplicativos de transporte se tornaram uma tendência e existe justificativa para isso. O valor acessível atrai pessoas que antes utilizavam carros, transporte coletivo e táxis.

Ele é uma solução para a mobilidade urbana porque já está fazendo com que algumas pessoas deixem de ter carros e passem a adotar esse transporte.

Possuir um veículo atualmente custa caro, pois é preciso comprar o veículo, abastecer e cuidar da manutenção. O seguro auto também é indispensável, afinal, houve um aumento de riscos, sejam de acidentes, roubos, furtos, entre outros, nos dias de hoje.

Os aplicativos ajudam a acabar com esses problemas e diminuem o número de carros nas ruas.

Eles também permitem o compartilhamento de viagens, aproveitando melhor as rotas e agilizando a locomoção, tanto de quem usa o aplicativo como outros meios de transporte.

Ônibus e mobilidade urbana

Os ônibus conseguem transportar uma grande quantidade de pessoas com apenas um veículo. Quando as pessoas deixam o carro em casa e apostam nesse transporte público, o espaço ocupado na via diminui e faz com que o trânsito flua melhor.

Os corredores de ônibus são bastante interessantes para contribuir com essa iniciativa. Eles deixam os trajetos mais rápidos, uma vez que os veículos não ficam parados no trânsito e permitem o uso de ônibus articulados, que conseguem levar um maior número de passageiros por vez.

Com um maior investimento nos ônibus e a criação de mais linhas e melhoria dos veículos, a tendência é que ele ganhe um espaço hoje ocupado por veículos com apenas uma pessoa.

Bicicleta como alternativa

As bicicletas têm sido adotadas em grandes cidades como São Paulo porque permitem que um trajeto seja feito de forma mais rápida do que de carro, permitem economizar com combustível e que a pessoa tenha uma vida mais saudável ao praticar exercícios.

Também faz com que as pessoas deixem o carro em casa e contribui para um trânsito melhor.

Existem vantagens em adotar a bicicleta que garantem algumas facilidades. Já existem vagões de trens e metrôs onde é possível entrar com elas.

Os serviços de locação têm ajudado, pois não é preciso ter uma bicicleta, basta alugar uma pelo tempo que precisar e depois devolver em um dos pontos.

A única questão é que ainda existem poucas ciclovias e isso impede que mais pessoas contribuam com a mobilidade urbana utilizando a bicicleta.

Os aplicativos de transporte, ônibus e bicicletas são apenas algumas das alternativas para melhorar a mobilidade urbana. Existem muitas outras espalhadas pelo mundo que têm contribuído para criar cidades menos poluídas e melhorar a qualidade de vida de seus habitantes.

* Por Jeniffer Elaina, da Smartia Seguros

Deixe seu comentário

comentários

Publicidade

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here