Projeto Livro na Faixa ganha espaço na Rede Vida

O projeto Livro na Faixa, fruto de uma parceria entre a SPTrans e a Coordenadoria Municipal de Bibliotecas da Prefeitura, foi o foco de uma reportagem do Programa Tribuna Independente, da Rede Vida, na tarde da última segunda-feira, dia 10 de outubro.

A assessora de marketing da SPTrans, Cilene Cabral, concedeu entrevista para o programa. Na ocasião, ela explicou detalhes da proposta que não tem fins lucrativos, e pretende incentivar a leitura e promover a cidadania entre as pessoas.

São 20 estantes de livros espalhadas pelos terminais de ônibus municipais da cidade. Na parceria, a SPTrans disponibiliza os terminais e recolhe doações de livros para manter as estantes sempre atraentes para os usuários.

Quem passa pelos terminais escolhe o livro que gostar na estante e leva de graça para casa. Ao mesmo tempo, pode alimentar o projeto deixando um título já lido para que outra pessoa possa aproveitá-lo. Vale ressaltar que o projeto depende da participação coletiva para funcionar bem.

O repórter Luiz Henrique Casoni questionou a assessora da SPTrans sobre como funciona o projeto: “O usuário interessado em um livro o retira em uma das estantes localizadas nos terminais de forma gratuita. Não é preciso fazer carteirinha, inscrição ou qualquer tipo de burocracia. Basta escolher o livro e levar”, explicou Cilene.

As estantes estão localizadas nos terminais: A.E. Carvalho, Amaral Gurgel, Bandeira, Cachoeirinha, Campo Limpo, Capelinha, Carrão, Cidade Tiradentes, Grajaú, Guarapiranga, Jardim Ângela, Lapa, Parelheiros, Mercado, Penha, Pinheiros, Pirituba, Princesa Isabel, Santo Amaro, Sapopemba.

Algumas empresas também aderiram ao projeto Livro na Faixa, são elas: Livraria Leitura, Editora Livrus, Socicam, SPUrbanuss, VIP Leste, Ambiental, Mobi, Cidade Dutra Transpass, Gatusa, Transkuba, Gato Preto e Santa Brígida.

Deixe um comentário