Estudantes protestam contra aumento na tarifa do transporte sobre trilhos na Avenida Paulista

Um protesto ocorreu na Avenida Paulista nesta quinta, 4 de janeiro, contra o aumento na tarifa do transporte sobre trilhos, decretado pelo governador Tarcísio de Freitas.

Mesmo sob forte chuva, manifestantes, principalmente estudantes, marcharam do MASP até a Praça Roosevelt. Desde 1º de janeiro, o Metrô e a CPTM têm tarifas aumentadas de R$ 4,40 para R$ 5, enquanto os ônibus municipais mantiveram o preço de R$ 4,40.

Os manifestantes alegam que o aumento está ligado à privatização do transporte coletivo. Além disso, reivindicam o passe livre e a tarifa zero para trabalhadores, destacando o impacto negativo nas condições estudantis, incluindo o aumento da evasão escolar.