Greve de ônibus no ABC é adiada após promessa de pagamento

92
Viação Imigrantes ABC
Foto: Rodrigo Piragibe

A greve de ônibus que atingiria parte das cidades do ABC Paulista nesta quinta-feira, dia 14 de maio de 2020, foi adiada após o grupo que administra as empresas Viação Ribeirão Pires, Empresa Auto Ônibus Santo André (EAOSA), Viação São Camilo, Empresa Urbana Santo André (EUSA), Viação Imigrantes, Viação Triângulo e Viação Riacho Grande prometer o pagamento dos salários e benefícios atrasados até sexta-feira, dia 15 de maio, assim que receber os repasses financeiros da EMTU.

A informação foi dada pelo vice-presidente do Sindicato dos Rodoviários do Grande ABC (Sintetra), Leandro Mendes da Silva, ao Diário do Transporte, na noite desta quarta-feira, dia 13 de maio.

Além de salários, o pagamento de benefícios como férias e vales-alimentação também estão atrasados. A situação do grupo que já não anda bem, foi agravada pela queda na demanda de passageiros, causada pela pandemia de Covid-19.

Deixe seu comentário