Monotrilho da Linha 15-Prata segue paralisado por tempo indeterminado

38
Estações do monotrilho Linha 15-Prata
Foto: Divulgação/Governo do Estado de São Paulo

O monotrilho da Linha 15-Prata não voltou a operar, mesmo que parcialmente, nesta segunda-feira, dia 23 de março de 2020, conforme prometido pelo Metrô.

Na semana passada, o Metrô havia dito que neste domingo, dia 23 de março, haveria uma provável definição sobre a operação da Linha 15-Prata, mas isso não ocorreu.

A Secretaria dos Transportes Metropolitanos informou ao G1 que a operação do monotrilho seguirá paralisada por tempo indeterminado, a decisão foi tomada após queda no número de passageiros no transporte público da capital paulista, por conta das medidas de contenção contra o novo coronavírus.

O monotrilho está sem funcionar desde o dia 29 de fevereiro. No dia 27 de fevereiro, o pneu da composição M20 estourou ao sair da estação Jardim Planalto e a parte de uma peça interna da roda, chamada de runflat, caiu na Avenida Sapopemba.

A Bombardier, fabricante dos trens, apurou que a causa para o problema foi o pneu ter se rompido por estar tocando o runflat. Isso teria ocorrido por deformidades nas vias. Não é possível saber se essas deformidades foram provocadas pelo uso ou má construção.

Enquanto a linha segue fechada, os passageiros seguem sendo atendidos por 40 ônibus gratuitos da operação que circulam entre São Mateus e Vila Prudente.

Confira abaixo o itinerário da linha especial Estação São Mateus – Estação Vila Prudente:

Ida: Estação São Mateus, Avenida Sapopemba, Estação Fazenda da Juta, Avenida Sapopemba, Estação Sapopemba, Avenida Sapopemba, Estação Jardim Planalto, Avenida Sapopemba, Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, Estação Vila União, Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, Estação Vila Tolstói, Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, Estação Camilo Haddad, Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, Estação São Lucas, Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, Estação Oratório, Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, Complexo Viário Senador Antônio Ermínio de Barros Filho, Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello e Estação Vila Prudente.

Volta: Estação Vila Prudente, Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, Rua Ibitirama, Rua Cavour, Rua Itamumbuca, acesso à Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, Estação Oratório, Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, Estação São Lucas, Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, Estação Camilo Haddad, Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, Estação Vila Tolstói, Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, Estação Vila União, Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, Avenida Sapopemba, Estação Jardim Planalto, Avenida Sapopemba, Estação Sapopemba, Avenida Sapopemba, Estação Fazenda da Juta, Avenida Sapopemba e Estação São Mateus.

Leia também

Deixe seu comentário