Linha 15-Prata do monotrilho segue fechada neste fim de semana

40
Estações do monotrilho Linha 15-Prata
Foto: Divulgação/Governo do Estado de São Paulo

Neste fim de semana, dias 14 e 15 de março de 2020, a Linha 15-Prata do monotrilho segue fechada. Neste sábado, o monotrilho completa duas semanas de paralisação, para apuração das causas do estouro de um pneu da composição M20 no dia 27 de fevereiro.

Durante essa semana, havia a expectativa da Bombardier, fabricante dos trens, divulgar o laudo sobre as causas dos problemas no monotrilho, entretanto isso não aconteceu.

Enquanto o laudo da Bombardier não sai, segundo o Diário do Transporte, o Metrô contratou diretamente o Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo, por dispensa de licitação, para análise das causas do rompimento do pneu e runflat na composição M20.

Segundo o G1, a causa apurada até o momento foi o pneu ter se rompido por estar tocando a borracha interna chamada de run flat. Isso teria ocorrido por causa de deformidades nas vias, mas não é possível saber se elas foram provocadas pelo uso ou defeito na construção.

O secretário dos Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, disse ao G1 que o monotrilho pode voltar a funcionar parcialmente no dia 23 de março. Alexandre Baldy também afirmou que o monotrilho deve voltar a operar normalmente a partir do dia 14 de abril, mas não confirmou se serão todas as estações.

Enquanto a linha não volta a operar, neste fim de semana, os passageiros seguem sendo atendidos por 30 ônibus gratuitos do sistema Paese (nos dias úteis são 60 ônibus), que realizam o trajeto de São Mateus à Vila Prudente, em ambos os sentidos (confira abaixo o itinerário completo da linha), das 4h40 à 1h da madrugada.

Itinerário da linha especial Estação São Mateus – Estação Vila Prudente

Confira abaixo o itinerário da linha especial Estação São Mateus – Estação Vila Prudente, ou seja, que opera de São Mateus à Vila Prudente:

Ida: Estação São Mateus, Avenida Sapopemba, Estação Fazenda da Juta, Avenida Sapopemba, Estação Sapopemba, Avenida Sapopemba, Estação Jardim Planalto, Avenida Sapopemba, Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, Estação Vila União, Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, Estação Vila Tolstói, Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, Estação Camilo Haddad, Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, Estação São Lucas, Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, Estação Oratório, Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, Complexo Viário Senador Antônio Ermínio de Barros Filho, Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello e Estação Vila Prudente.

Volta: Estação Vila Prudente, Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, Rua Ibitirama, Rua Cavour, Rua Itamumbuca, acesso à Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, Estação Oratório, Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, Estação São Lucas, Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, Estação Camilo Haddad, Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, Estação Vila Tolstói, Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, Estação Vila União, Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, Avenida Sapopemba, Estação Jardim Planalto, Avenida Sapopemba, Estação Sapopemba, Avenida Sapopemba, Estação Fazenda da Juta, Avenida Sapopemba e Estação São Mateus.

Leia também

Deixe seu comentário