Direção defensiva é tema da campanha da Movida para o Maio Amarelo

Locadora fecha parceria com o apresentador e piloto César Urnhani para orientar funcionários de empresas que terceirizam a gestão de frota com a companhia

186
Direção defensiva
Imagem de Free-Photos por Pixabay

A Movida Frotas, responsável pela oferta de terceirização de frotas corporativas da locadora, fechou uma parceria com o apresentador e piloto César Urnhani para divulgar a sua campanha de apoio ao Maio Amarelo.

Com foco na direção defensiva, o novo embaixador da marca, que também é instrutor de pilotagem, levará aos funcionários das empresas clientes da locadora orientações sobre segurança no trânsito, além de passar dicas de economia, performance e sustentabilidade ao utilizar um carro.

De acordo com Charles Sperandio, diretor de Marketing da Movida, a parceria com César vem reforçar a maneira como a Movida enxerga o seu negócio e o relacionamento com o cliente, conceito exposto na sua atual assinatura: muito além do carro.

“O César está habituado a dirigir nas pistas de testes e pode compartilhar a sua experiência sobre Condução Segura. Desta forma, conseguiremos levar a milhares de motoristas orientações para reduzir o número de acidentes nas ruas e estradas do País”, completa o executivo.

Movida Frotas Maio Amarelo
Imagem: Divulgação

No dia 16 de maio, a ação aconteceu nas empresas AB Brasil e Aché, tanto em Guarulhos como em São Paulo e, na próxima semana, será a vez dos colaboradores do Mc Donald’s. No total, mais de 3.500 motoristas que estão todo dia circulando pelas ruas da Grande São Paulo serão impactados pela campanha.

O Maio Amarelo é um movimento global, criado com o objetivo de conscientizar e estimular a participação da população, empresas, governos e entidades no debate sobre o trânsito e a segurança viária. Em sua sexta edição neste ano, traz o tema “No trânsito, o sentido é a vida”.

“Mas precisamos ir muito além do mês maio. Pensando nisso, nossa campanha irá se estender por todos os meses de 2019, impactando outros milhares de motoristas das empresas que terceirizam a sua frota conosco”, comenta Max Fernandes, diretor executivo da Movida Frotas. Hoje, a companhia possui contrato com mais de 700 empresas, que somadas compreendem cerca de 30 mil condutores.

O executivo ainda explica que a terceirização da frota de carros vai muito além dos benefícios da previsibilidade orçamentária, com um valor único das parcelas, impactando também em questões como a própria segurança.

A idade reduzida dos veículos, a manutenção em dia e renovação constante são algumas das características do negócio que fazem o carro alugado ser mais confiável no trânsito.

“Quando o gestor vai decidir sobre a terceirização da frota, é fundamental considerar no custo total da operação, o TCO, também os aspectos relativos à segurança. Se acontece, por exemplo, um acidente de trânsito com um colaborador causado por uma falha mecânica, a organização poderá ficar com o carro indisponível até que sejam feitos os reparos, afetando o seu core business, o que sob a ótica econômica já é ruim. E mais grave é que a opção por um carro não seguro representa um grande risco para o colaborador”, ressalta Max Fernandes.

Com uma atuação bastante consultiva, os profissionais da Movida Frotas, normalmente, apresentam os comparativos de diferentes modelos de veículos usando, entre outras informações, os dados da Latin NCAP, que analisem os níveis de segurança tanto para o motorista quanto para os passageiros.

A abordagem em parceria com o cliente também considera a melhor relação custo-benefício para cada empresa, levando em conta a utilização, o tipo de rodagem, o consumo de combustível e a potência do veículo, calculando a opção mais adequada para cada situação.

Deixe seu comentário