Chuva na Grande São Paulo causa alagamentos, quedas de árvores e interrompe trecho da Linha 10-Turquesa

381
chuva alagamentos

A chuva forte que caiu na Grande São Paulo na tarde desta quinta-feira, dia 17 de outubro, provocou pontos de alagamentos, quedas de árvores, transbordamento de córregos, interrupção de trecho da Linha 10-Turquesa da CPTM e alagamento nas plataformas da Estação Adolfo Pinheiro da Linha 5-Lilás de metrô.

Chuva

O Centro de Gerenciamento de Emergências, da Prefeitura de São Paulo, decretou estado de atenção para alagamentos na Zona Leste, Centro e Zona Sudeste a partir das 16h13. O calor criou áreas de instabilidade junto com uma grande quantidade de umidade na atmosfera, favorecendo as pancadas de chuva pela capital paulista.

Às 16h57, o estado de atenção para alagamentos se estendeu para a Zona Sul e a Marginal Pinheiros. Por volta de 18h20, o estado de atenção para alagamentos foi encerrado. Nos bairros da Vila Prudente e do Jabaquara chegou a chover granizo.

Até às 19h, segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências, foram registrados 14,4 milímetros de chuva em toda a capital paulista. O Corpo de Bombeiros informou que receberam 108 chamados para atendimentos ocasionados pelas fortes chuvas.

Pontos de alagamentos

O Corpo de Bombeiros informou para a Rádio Band News FM que foram detectados 51 pontos de alagamentos na Grande São Paulo. Os principais pontos de alagamentos se formaram nos bairros: Santo Amaro, Vila Formosa, Mooca, Vila Prudente, Sacomã e Parque do Carmo.

Na Zona Leste, os pontos de alagamentos se formaram na Avenida Aricanduva, sentido Itaquera, nas proximidades da Avenida Itaquera e na Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello, em ambos os sentidos, na altura da Praça Ruy Roxo, próximo à Escola Estadual Américo de Moura, na altura da Rua Américo Vespucci e na altura da Estação Vila Prudente das linhas 2-Verde e 15-Prata do Metrô.

Na Zona Sul, os pontos de alagamentos se formaram na Avenida das Nações Unidas, em ambos os sentidos, na altura da Ponte Transamérica e na pista local, sentido Rodovia Castelo Branco, nas proximidades da Ponte Itapaiuna.

Também na Zona Sul, os pontos de alagamentos se formaram na Avenida Interlagos, sentido Bairro, próximo ao cruzamento com a Avenida das Nações Unidas e em ambos os sentidos, na altura da Avenida Sargento Geraldo Sant’ana e na Avenida Professor Abraão de Morais, sentido Centro, na altura da Rua Francisco Tapajós.

No bairro de Santo Amaro, na Zona Sul, um ônibus ficou ilhado enquanto a água se acumulava dentro do veículo, segundo o portal G1 tinham cerca de 20 passageiros no interior do coletivo.

Quedas de árvores

O Corpo de Bombeiros informou para a Rádio Band News FM que receberam até às 19h10, 52 chamados sobre quedas de árvores, em toda a Grande São Paulo.

Algumas das quedas, aconteceram na Avenida do Rio Pequeno, ambos os sentidos, na altura da Avenida José Joaquim Seabra e na Avenida Guarapiranga, junto à Rua Martinho Jacob Kremer.

Na Avenida Guarapiranga, altura do número 100, um motorista pediu socorro aos Bombeiros, uma árvore caiu em cima do veículo, segundo informações da corporação o motorista não sofreu ferimentos.

Transbordamento de córregos

Na região do Ipiranga, o Córrego Ipiranga transbordou na região da Praça Leonor Kaupa, próximo à Avenida Professor Abraão de Morais e à Rua General Chagas Santos.

Já na região da Cidade Ademar, o Córrego Zavuvus também transbordou, próximo à Praça Tuney Arantes.

Alagamento na Estação Adolfo Pinheiro

Passageiros da Linha 5-Lilás de metrô postaram nas redes sociais, vários vídeos mostrando uma enxurrada de água invadindo as plataformas da Estação Adolfo Pinheiro, localizada na Avenida Adolfo Pinheiro, 301. Os passageiros tiveram dificuldade de embarcar e desembarcar na estação, que foi inaugurada em 12 de fevereiro de 2014.

A concessionária ViaMobilidade, responsável pela operação e manutenção da Linha 5-Lilás, informou ao site Via Trolebus que “em função do grande volume de chuva na região de Santo Amaro na tarde desta quarta-feira (17), a água vinda das ruas do entorno da estação Adolfo Pinheiro atingiu o poço de alívio de ventilação situado na calçada e atingiu o interior do prédio, causando a interdição parcial da plataforma de embarque e desembarque. Por isso, houve restrição de velocidade na circulação de trens neste trecho. Após a atuação da equipe de higiene a operação foi rapidamente restabelecida”.

Entre 18h06 e 18h11, os trens da Linha 5-Lilás circularam com redução de velocidade e maior tempo de parada entre as estações Capão Redondo e Chácara Klabin. A concessionária não informou o motivo.

Linha 10-Turquesa da CPTM

Na região do ABC, a circulação dos trens da Linha 10-Turquesa da CPTM ficou interrompida entre as estações Utinga e Santo André, entre 17h11 e 17h38, em razão de alagamento na via. Somente após às 17h38, a circulação dos trens foi gradativamente normalizada.

Há muitos anos, esta região sofre com constantes alagamentos na época das fortes chuvas, passa ano, entra ano e não vemos a Prefeitura de Santo André fazer alguma ação com a CPTM para acabar com os alagamentos.

Clima

Nesta quinta-feira, dia 18 de outubro, segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências, a capital paulista segue com sol e temperaturas em rápida elevação no decorrer do dia. As mínimas oscilam em torno dos 19ºC, enquanto as máximas podem superar os 30ºC.

Entre o final da tarde e a noite a aproximação de um sistema frontal provoca chuvas na forma de pancadas, que podem apresentar pontos de até forte intensidade, descargas elétricas e rajadas de vento.

Leia também

  • No site da Climatempo, a Josélia Pegorim, conta que a Grande São Paulo pode ter mais temporais nesta quinta-feira, dia 18 de outubro.

Mobilidade Sampa

Quer ficar informado sobre tudo o que acontece na mobilidade urbana de São Paulo e Região Metropolitana?

Então curta nossa página no Facebook.

Siga o @mobilidadesampa no Twitter.

Use a hashtag #mobilidadesampa no Instagram.

Fique tranquilo. Não enviamos spam, a sua privacidade será respeitada e você poderá sair facilmente quando desejar.

Deixe seu comentário

comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here