Estação Oscar Freire da Linha 4-Amarela é inaugurada

0
248
Estação Oscar Freire
Entrada principal fica na altura do número 1237 da Rua Oscar Freire, esquina com a Avenida Rebouças, sentido Centro (Foto: Governo do Estado de São Paulo)

Após mais de quatro anos de atraso o governo estadual inaugurou nesta quarta-feira, dia 4 de abril, a nova Estação Oscar Freire da Linha 4-Amarela, operada pela concessionária ViaQuatro, na região do Jardim Paulista. A nova estação que fica localizada na Avenida Rebouças, 1089, foi entregue somente com uma das entradas funcionando.

A entrada principal na esquina da Avenida Rebouças (sentido Centro) com a Rua Oscar Freire (altura do nº 1237) permitirá um fácil acesso a região dos Jardins, como nas ruas Haddock Lobo, Bela Cintra e da Consolação. A entrada secundária na Avenida Rebouças (sentido Avenida Faria Lima) será concluída no segundo semestre, facilitando o acesso para quem vai ao Hospital das Clínicas.

Foto: Governo do Estado de São Paulo

Até o dia 20 de abril, a Estação Oscar Freire funcionará em operação assistida, diariamente das 10h às 15h, com cobrança de tarifa. Porque é necessário realizar a operação assistida? A operação consiste na maturação dos equipamentos e sistemas, como os de alimentação elétrica, sinalização e telecomunicações, permitindo o aperfeiçoamento dos métodos de operação da estação. A partir do dia 21 de abril, o horário de funcionamento será ampliado, com atendimento aos passageiros das 4h40 à meia-noite de domingo a sexta-feira, e das 4h40 à 1h, aos sábados.

O secretário de Transportes Metropolitanos, Clodoaldo Pelissioni, explicou durante a inauguração da Estação Oscar Freire que o atraso na construção da entrada secundária foi devido a uma alteração no solo. “Ao escavar, verificamos um solo mais mole do que o esperado quando fizemos o projeto. Estamos tendo que escavar com mais cuidado. O fundamental é garantir a segurança, não só do usuário, mas do entorno da estação, então vamos trabalhar devagar, mas permanente para que no segundo semestre possamos entregar o segundo acesso. Agora, as pessoas vão ter que fazer a ultrapassagem da Avenida Rebouças para poder pegar o metrô no acesso principal”, disse Clodoaldo.

A expectativa é que a Estação Oscar Freire receba cerca de 24.000 passageiros diariamente, ela fica no trecho intermediário entre as estações Paulista e Fradique Coutinho.

Foto: Governo do Estado de São Paulo

CARACTERÍSTICAS DA NOVA ESTAÇÃO

A Estação Oscar Freire da Linha 4-Amarela do Metrô é totalmente acessível aos passageiros com deficiência e mobilidade reduzida. Os pavimentos contam com cinco elevadores que fazem a interligação da rua com o mezanino e com as plataformas, além de 20 escadas rolantes e 17 escadas fixas. Também foram instalados as portas de plataforma e outros equipamentos que facilitam a acessibilidade, como piso podotátil direcional, corrimãos e fita antiderrapante nos degraus das escadas fixas.

O acabamento segue o padrão arquitetônico utilizado nas demais estações da Linha 4-Amarela. A plataforma foi revestida com pastilhas esmaltadas utilizando uma tonalidade de verde escuro. Já o mezanino e as escadas contam com guarda-corpo em vidro, permitindo um visual mais leve.

Foto: Governo do Estado de São Paulo

Com um total de 35 metros de profundidade, a construção da estação foi feita por diferentes formas construtivas. O corpo foi feito através de uma tuneladora Shield que construiu os túneis da linha e complementado pelo método conhecido como túnel mineiro.

Foto: Governo do Estado de São Paulo

Ao todo, foram escavados mais de 31 mil m³ para a execução de 13,3 mil m² de área construída, com o uso de 9,2 mil m³ de concreto que compreende todo o corpo da estação, com as duas plataformas laterais, mezanino e os dois acessos externos. Também foi construído um edifício anexo de três andares e 17 metros de altura que abrigará as salas técnicas operacionais.

LINHA 4-AMARELA

A Linha 4-Amarela operada pela concessionária ViaQuatro conta com mais oito estações: Luz, República, Higienópolis-Mackenzie, Paulista, Fradique Coutinho, Faria Lima, Pinheiros e Butantã.

No mês de junho, está prevista a inauguração da Estação São Paulo-Morumbi que ficará localizada na Avenida Francisco Morato, próximo à Avenida Jorge João Saad e o Shopping Butantã. Em 2019, está prevista a inauguração da Estação Vila Sônia, que ficará localizada também na Avenida Francisco Morato, próximo à Rua Heitor dos Prazeres.

LEIA TAMBÉM

  • No Guia da Folha saiu uma reportagem especial com uma seleção de restaurantes, bares, lanchonetes e atrações culturais para visitar na região da Estação Oscar Freire.

Deixe seu comentário

comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO