Bilhetes gratuitos são vendidos ilegalmente na porta de estações da CPTM e Metrô

Nas áreas externas das estações da CPTM e Metrô de São Paulo, são oferecidas passagens a preços mais baixos. Trata-se de um comércio irregular. Os vendedores se utilizam de algum benefício destinado, por exemplo, a desempregados e deficientes. Para a polícia, a revenda de um bilhete gratuito desse tipo é crime de estelionato. Contudo, o crime muitas vezes acontece na frente de fiscais e até seguranças.

Confira o vídeo do Jornal da Record:

Deixe um comentário