Parte de São Paulo entra em estado de atenção para enchentes

Parte da capital paulista entrou em estado de atenção para enchentes na tarde deste sábado (6), devido à forte chuva que atingiu a região metropolitana de São Paulo. A situação foi decretada para as zonas leste, norte e marginal Tietê às 17h37; centro e zona oeste, às 19h16, e Campo Limpo e M’Boi Mirim, às 21h03.

De acordo com o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências), áreas de instabilidade formadas pelo calor e a alta disponibilidade de umidade na atmosfera causaram chuvas na cidade. Imagens do radar meteorológico mostraram precipitação com forte intensidade principalmente na zona norte, nos bairros de Tremembé, Jaçanã, Tucuruvi, Mandaqui, Cachoeirinha e Brasilândia.

Já na zona leste, chovia forte nos bairros de Itaim Paulista, Vila Madalena, Jardim Helena, Vila Curuçá, São Miguel Paulista e Vila Jacuí. No Centro, as fortes precipitações atingiram à noite os bairros de Santa Cecília, Consolação, Sé e Bela Vista.

O aeroporto de Cumbica registrou 92 km/h de rajadas de vento às 17h35. Às 18h33, a região de Perus, zona norte, entrou em estado de alerta após o transbordamento do córrego Perus. O córrego Itaim transbordou, no Butantã, próximo do km 18 da Rodovia Raposo Tavares. Também houve transbordamento do Ribeirão Vermelho, perto da rua Guiné Equatorial, na região da Lapa. O alerta foi decretado às 19h35. A mesma situação foi decretada às 20h37 para a subprefeitura de Pirituba/Jaraguá, por conta do transbordamento do Ribeirão Vermelho.

A única região que ainda estava em estado de alerta, por volta das 22h10, era a do Butantã, devido ao transbordamento na rua dos Piemonteses.

Às 23h10, a situação já estava normalizada em toda a cidade.

CPTM

A linha 7-Rubi da CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos), operava com velocidade reduzida e maior tempo de parada, entre as estações Francisco Morato e Jundiaí, por conta de danos causados por um raio, que atingiu a linha durante a madrugada. Por volta de 18h40 a circulação dos trens ficou interrompida entre as estações Vila Aurora e Perus, por conta de alagamento, às 19h15 a circulação foi retomada após o alagamento diminuir.

Fernão Dias

Já a rodovia Fernão Dias estava liberada após registrar um ponto de alagamento no km 79, na região de Guarulhos, na Grande São Paulo, no sentido da capital paulista. Segundo a concessionária responsável, o bloqueio chegou a ser total mais cedo, mas o tráfego já estava liberado por volta das 22h10.

Osasco

Em Osasco, a Avenida Brasil ficou intransitável.

Perus

Cerca de quatro barracos construídos ao lado de um córrego ficaram alagados na Rua Ipacaeta, em Perus. Ninguém ficou ferido. Os bombeiros informaram que não há barracos em risco e que a água que invadiu as casas já está diminuindo.

Previsão

No domingo (7), o tempo não deve ter grande mudança, com sol e temperaturas elevadas durante o dia, e pancadas de chuvas no final da tarde. Os termômetros ficarão entre os 21°C e os 29°C.

Avenida Brasil, em Osasco, alagada após as chuvas deste sábado (Foto: Willians Gualberto)

Deixe um comentário