Estação da Luz da CPTM é fechada após fogo em Museu da Língua Portuguesa

300 mil passageiros passam diariamente pelo local

193

O incêndio que atingiu o Museu da Língua Portuguesa está alterando o funcionamento do transporte público na região.

Por medida de segurança, a estação da Luz foi fechada às 16h10 nesta segunda-feira (21), de acordo com a CPTM. Porém, o Metrô (linhas 1-Azul e 4-Amarela) funciona normalmente. As linhas 7-Rubi e 11-Coral estão parando uma estação antes de chegar na Luz. Na linha 7-Rubi os trens param na Barra Funda e na Linha 11-Coral da CPTM, os trens param no Brás.

A CPTM pede aos usuários que evitem a estação da Luz e, especialmente, a Linha 7-Rubi saindo da estação Barra Funda. A orientação é utilizar a linha 3-Vermelha do Metrô para poder fazer a conexão nas estações Brás e Palmeiras-Barra Funda.

A CPTM vai esperar o Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) fazer uma avaliação na Estação da Luz, antes de liberar o embarque e desembarque para os 300 mil passageiros que passam diariamente pelo local.

Segundo Paulo Magalhães, presidente da CPTM, caso a interligação das linhas 11-Coral e 7-Rubi dos trens não seja liberada para as baldeações às linhas 1-Azul e 4-Amarela do Metrô, os passageiros da CPTM terão que continuar descendo nas estações Barra Funda e Brás para seguir viagem.

De acordo com ele, “aparentemente” não houve danos na Estação Luz. Paulo Magalhães explicou que o aval do Instituto de Pesquisas Tecnológicas foi uma orientação do governador Geraldo Alckmin.

Leia também:

Incêndio atinge Museu da Língua Portuguesa em São Paulo

Museu da Língua Portuguesa não tinha auto de vistoria dos Bombeiros

Geraldo Alckmin diz que reconstruirá museu incendiado

Bombeiro civil morre após tentar combater incêndio no Museu da Língua Portuguesa

Deixe seu comentário