Trem da Linha 10-Turquesa da CPTM registra princípio de incêndio em Ribeirão Pires

Um trem da CPTM teve um princípio de incêndio no final da tarde desta quinta-feira (19) na região de Ribeirão Pires, região metropolitana de São Paulo. Não houve feridos, mas os trens estavam trafegando com atraso, por volta das 18h10, na linha 10-turquesa.

Segundo a CPTM, o princípio de incêndio aconteceu por volta das 17h15, na parte de cima de um dos vagões. Os bombeiros foram acionados, mas não há registro de pessoas feridas. O problema teria sido provocado por uma falha no trem, que ainda está sendo apurado.

A CPTM afirmou que o fogo não chegou a atingir o interior da composição, mas os passageiros tiveram que desembarcar na estação Ribeirão Pires. A via em que estava o trem com problema também teve que ser interditada e, por volta das 18h10, as composições estavam tendo que alternar a passagem pela outra via.

Os trens que partiam da estação Brás circulavam até a estação Mauá, e desta estação, os usuários tinham que realizar transferência para outra composição com destino à Rio Grande da Serra.

Entre as estações Mauá e Rio Grande da Serra, os trens trafegaram por via única e com velocidade reduzida e maior tempo de parada. Por volta das 20:20 o problema foi resolvido e a circulação de trens entrou em processo de normalização.

Trem da Linha 10-Turquesa pegando fogo na estação Ribeirão Pires. Foto: César Moya (enviada via Whatsapp do Diário da CPTM 11 95971-0893)
Trem da Linha 10-Turquesa pegando fogo na estação Ribeirão Pires (Foto: César Moya)

Deixe um comentário