Estado de Calamidade Pública em São Sebastião é reconhecido pelo Governo Federal

O governo federal reconheceu o Estado de Calamidade Pública em São Sebastião, através de uma portaria publicada pela Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil, vinculada ao Ministério da Integração e do Desenvolvimento Regional.

Além de São Sebastião, outras cinco cidades do litoral paulista (Guarujá, Bertioga, Caraguatatuba, Ilhabela e Ubatuba) também foram incluídas na portaria.

A decisão foi tomada devido às tempestades locais/convectivas e às chuvas intensas que causaram prejuízos e até mesmo mortes na região.

São Sebastião decretou luto oficial de sete dias em resposta à tragédia.