MP recebe relatório preliminar sobre desabamento nas obras da Linha 6-Laranja

243
Cratera Marginal
Foto: Reprodução/Band TV

O Ministério Público de São Paulo recebeu na semana passada, um relatório preliminar da Acciona, empresa responsável pela construção da linha 6-Laranja de metrô, sobre as circunstâncias da abertura de uma cratera na região da Marginal do Rio Tietê.

Segundo o MP, a Sabesp e a CET também responderam. A Prefeitura de São Paulo disse que a Defesa Civil também enviou informações.

Há mais de duas semanas, dois poços da linha 6-Laranja foram inundados após o rompimento de uma galeria da Sabesp. Ninguém ficou ferido, no entanto, a tuneladora popularmente conhecida como “tatuzão”, acabou inundada e toda a sua parte eletrônica foi perdida.

Ainda não há prazo para a retomada da perfuração dos túneis. A Acciona ainda não se pronunciou se haverá atraso na entrega do novo ramal previsto para 2025.

O Ministério Público já solicitou esclarecimentos complementares para o consórcio responsável pelas construções.

Deixe seu comentário