Projeto básico da Linha 20-Rosa sairá em 2023, diz Metrô

9257
(Foto: Alex Cavanha/PSA)

A Secretaria dos Transportes Metropolitanos e o Metrô apresentaram na quinta-feira, dia 10 de fevereiro de 2022, o projeto da Linha 20-Rosa que vai ligar a Zona Oeste da capital paulista até São Bernardo do Campo, passando por Santo André.

Serão 33 km de extensão com 25 estações, sendo quatro em Santo André e duas em São Bernardo. A linha começará na região da Lapa e seguirá até o ABC. As estações Taboão-Pauliceia e Rudge Ramos estarão no território são-bernardense, e as estações Afonsina, Príncipe de Gales, Portugal e Santo André, em território andreense.

Haverá ligações com a Linha 10-Turquesa, da CPTM e com o futuro BRT-ABC, modal que ligará a capital com São Caetano, Santo André e São Bernardo, além de outras linhas do sistema metroferroviário: Santa Maria (Linha 6-Laranja, do Metrô); Lapa (Linha 7-Rubi, da CPTM e Linha 8-Diamante, da ViaMobilidade); Cerro Corá (Linha 2-Verde, do Metrô); Fradique Coutinho (Linha 4-Amarela, da ViaQuatro); Moema (Linha 5-Lilás, da ViaMobilidade); e Saúde (Linha 1-Azul, do Metrô).

Outro ponto que será definido é o modelo financeiro para a realização da obra. São três opções: orçamento público; financiamento com bancos de fomento; ou PPP (Parceria Público-Privada), sendo esse último o mais usado nos últimos anos para a construção de novas linhas e a direção de modais.

Apesar do traçado apresentado, ainda faltam outros detalhes, como o projeto básico, com estimativa para ter sua licitação feita no ano que vem.

Deixe seu comentário