Radial Transporte intensifica campanha contra coronavírus

Empresa de transporte público do Alto Tietê é pioneira em adotar medidas para combater vírus

21
Ônibus da Radial Transporte
Foto: Divulgação/Radial Transporte

A partir da segunda quinzena de março, a Radial Transporte, que opera nas cidades de Suzano, Ferraz de Vasconcelos e Poá, intensifica a campanha de combate ao coronavírus.

A empresa foi pioneira no Brasil a adotar ações para preservar a saúde dos passageiros. Força tarefa, criada para conter a disseminação do vírus nos ônibus, teve início em 30 de janeiro deste ano.

A ação partiu assim que foram divulgadas informações sobre a primeira suspeita do coronavírus na região, mais especificamente na cidade de Mogi das Cruzes. Desde então, a Radial Transporte intensificou o processo de limpeza dos veículos.

“Neste primeiro momento, duas colaboradoras da equipe foram destacadas para desinfetar o interior dos ônibus, como os assentos, os cintos, os balaústres e demais suportes para as mãos, com álcool. Optamos por distribuir nossas profissionais em linhas e períodos específicos para não prejudicar o fluxo de passageiros no horário de pico”, afirma Antônio Caetano, encarregado operacional da Radial Transporte de Suzano.

Ônibus da Radial
Foto: Divulgação/Radial Transporte

Segundo ele, a ação foi planejada para ocorrer de maneira discreta para não alarmar a população. A limpeza dos ônibus é uma das prioridades da companhia. A equipe responsável pela higienização é formada por 26 colaboradores e trabalha em dois turnos para atender a demanda.

Segunda fase da campanha veio após pronunciamento oficial do Governo do Estado de São Paulo sobre as precauções necessárias para conter o avanço do coronavírus.

Para isso, a empresa instalou álcool em gel nas dependências do Terminal Norte de Suzano, diminuiu o intervalo de limpeza interna nos pontos finais e durante os percursos com maior fluxo de passageiros. O Terminal Norte se tornou o ponto central de higienização.

A empresa também distribuiu panfletos e cartazes para informar sobre as formas de contágio e os modos de prevenção.

Outro investimento foi realizado na aquisição de máscaras e luvas. O passageiro idoso receberá máscara de proteção de forma gratuita por fazer do grupo de risco de contágio. Já as luvas são destinadas aos profissionais da empresa, principalmente os motoristas e cobradores.

Deixe seu comentário