Expresso Leste da CPTM até Mogi das Cruzes é inaugurado

749
Linha 11-Coral Expresso Leste Mogi das Cruzes
Foto: Divulgação/CPTM
Publicidade

Nesta segunda-feira, dia 4 de fevereiro, a CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) inaugurou o serviço Expresso Leste até a cidade de Mogi das Cruzes, com viagem direta entre as estações da Luz, na região central da capital paulista e Estudantes, em Mogi das Cruzes, na Região Metropolitana.

Nesta primeira fase, o serviço funcionará de segunda a sexta-feira, das 9h às 15h. Aos sábados e domingos, as viagens ocorrerão durante todo o horário comercial.

Isso representa mais de 120 viagens diárias com os trens do Expresso Leste seguindo da Estação da Luz até a Estação Estudantes, sem necessidade da transferência entre trens na Estação Guaianases.

As viagens já programadas do Expresso Leste, sem baldeação na Estação Guaianases, serão mantidas nos demais horários.

O secretário dos Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, esteve na viagem inaugural do serviço e disse ao Diário do Transporte que para a ampliação de horário um dos grandes desafios é a repotencialização do fornecimento de energia elétrica do trecho.

“As questões de infraestrutura, de um modo geral, e o principal insumo que temos é a energização de toda a linha, são aspectos fundamentais para serem avaliados durante esse período. Por isso não vamos dar a largada durante o horário de pico ainda, para que não possamos cometer erros”, disse Baldy.

O presidente da CPTM, Pedro Moro, também esteve na viagem inaugural do serviço e disse ao Diário do Transporte que inicialmente a Companhia trabalha com a possibilidade de aumentar em dois trens na operação do trecho.

“Para o passageiro de Mogi das Cruzes, que é o principal beneficiado apesar de ter todo o Alto Tietê, acredito que em torno de 15 minutos de ganho direto. Ainda tem o ganho da baldeação, que é mais difícil a gente mensurar porque depende de quantos trens tem que esperar. Mas no mínimo 15 minutos”, disse Moro.

Para o lançamento do novo serviço, a Companhia realizou testes durante os fins de semana de janeiro, incorporou novos trens à frota da Linha 11-Coral, promoveu adequações nas estações e treinou equipe de maquinistas.

A eliminação da transferência entre trens na Estação Guaianases é uma antiga reivindicação dos moradores do Alto Tietê. Após a Estação Guaianases, a Linha 11-Coral conta com nove estações (Antônio Gianetti Neto, Ferraz de Vasconcelos, Poá, Calmon Viana, Suzano, Jundiapeba, Brás Cubas e Mogi das Cruzes) até a estação final, Estudantes.

Nesse trecho, a média diária é de cerca de 200 mil passageiros transportados.

CPTM

Acompanhe as últimas notícias sobre a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos, acessando a seção CPTM.

MOBILIDADE SAMPA

Quer ficar informado sobre tudo o que acontece na mobilidade urbana de São Paulo e Região Metropolitana?

Então curta nossa página no Facebook.

Siga o @mobilidadesampa no Twitter.

Siga o @mobilidadesampa no Instagram.

Fique tranquilo. Não enviamos spam, a sua privacidade será respeitada e você poderá sair facilmente quando desejar.

Deixe seu comentário

comentários

Publicidade

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here