Teste para reerguer viaduto que cedeu na Marginal Pinheiros é programado

21
viaduto marginal pinheiros
Foto: Secretaria de Comunicação/Prefeitura de São Paulo

A Secretaria Municipal de Infraestrutura e Obras realiza neste sábado, dia 1º de dezembro, a partir das 8h, teste para reerguer a estrutura do viaduto da Marginal Pinheiros, que cedeu no dia 15 de novembro. Nesta sexta-feira, dia 30 de novembro, a Prefeitura de São Paulo apresentou um balanço das ações até o momento.

“O resultado dos testes vai dizer os desdobramentos em relação a qual obra de engenharia será necessária para podermos fazer a recuperação do viaduto”, disse o prefeito Bruno Covas.

“Não sabemos a reação do viaduto ao esforço de trazê-lo de volta, por isso estamos sendo muito precavidos, é um teste”, ressaltou o secretário de Infraestrutura e Obras, Vitor Aly.

“Vamos começar fazendo um deslocamento mínimo e ver o que acontece e entender como aquela estrutura vai reagir no momento que colocarmos a carga. Nossa preocupação é com a segurança”, acrescentou.

O prefeito também informou que solicitou à CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) a interrupção da circulação de trens da Linha 9-Esmeralda naquele espaço durante o sábado. Serão colocados 20 ônibus gratuitos do sistema Paese à disposição dos passageiros.

Em relação à contratação dos laudos emergenciais autorizados pelo Tribunal de Contas do Município, o prefeito disse que na semana que vem será feito o chamamento dos critérios que as empresas interessadas em participar do processo devem apresentar.

Serão feitos laudos de 33 pontes e viadutos já elencados. “Cada laudo deve demorar cerca de três meses para ser elaborado”, informou.

Também foi anunciada a implantação de uma ciclofaixa provisória na Costa Carvalho, ligando a Pedroso à Estação Pinheiros, “pois percebemos um significativo aumento no número de ciclistas na região”, comentou. “A população mudou sua rotina pra poder ajudar a Prefeitura de São Paulo e a cidade e por isso vamos colocar em teste essa ciclofaixa.” A Secretaria das Subprefeituras autorizou a instalação de 500 pontos de compartilhamento de bicicletas entre Jurubatuba e o Jaraguá.

Quanto à utilização dos recursos na manutenção das pontes, o prefeito explicou que de 2014 a 2016 esse gasto foi zero. A Prefeitura de São Paulo previu no orçamento deste ano R$ 44 milhões para essa finalidade, mas só utilizou 5% porque não havia contrato para gastar mais. “Recentemente, tivemos autorização para poder contratar os laudos”, completou.

MOBILIDADE SAMPA

Quer ficar informado sobre tudo o que acontece na mobilidade urbana de São Paulo e Região Metropolitana?

Então curta nossa página no Facebook.

Siga o @mobilidadesampa no Twitter.

Use a hashtag #mobilidadesampa no Instagram.

Fique tranquilo. Não enviamos spam, a sua privacidade será respeitada e você poderá sair facilmente quando desejar.

Deixe seu comentário

comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here