Rede Nossa São Paulo lança 12ª edição da Pesquisa de Mobilidade Urbana

375
pesquisa de mobilidade urbana
Foto: Divulgação/Rede Nossa São Paulo

Anualmente acontece no mês de setembro, durante a Semana da Mobilidade, a divulgação de uma ampla pesquisa sobre a mobilidade urbana de São Paulo. Na terça-feira, dia 18 de setembro, foi realizada no Sesc 24 de Maio, a apresentação da pesquisa “Viver em São Paulo: Mobilidade Urbana na Cidade”, realizada pela Rede Nossa São Paulo e pelo Ibope Inteligência, com apoio do MobCidades.

A pesquisa foi realizada aqui em São Paulo, entre os dias 15 de agosto e 3 de setembro, foram entrevistadas 800 pessoas no total, sendo moradores de 16 anos ou mais de São Paulo. A margem de erro da pesquisa tem intervalo de confiança de 95%, a margem de erro máxima estimada é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos sobre os resultados totais.

O perfil das pessoas entrevistadas foi o seguinte:

Sexo: Masculino 46% e Feminino 54%
Idade: 16 a 24 anos (17%), 25 a 34 anos (20%), 35 a 44 anos (18%), 45 a 54 anos (17%) e 55 anos ou mais (28%)
Região de moradia: Centro (4%), Norte (20%), Sul (31%), Leste (35%) e Oeste (10%)

Os principais tópicos da pesquisa foram os seguintes: Poluição, Deslocamento em São Paulo, Uso dos meios de transporte (Ônibus municipal e bicicletas), Mobilidade Urbana e Políticas Públicas.

Logo abaixo seguem todos os detalhes de cada tópico da pesquisa com as perguntas na íntegra que foram feitas para os entrevistados.

POLUIÇÃO

1) Você costuma se informar sobre a qualidade do ar na cidade de São Paulo?

De vez em quando (39%), Nunca (24%), Sempre (23%), Raramente (13%) e Não sei (1%)

2) Você ou alguém que more em seu domicílio, tem ou já teve problemas de saúde relacionados à poluição do ar da cidade de São Paulo?

Sim (44%), Não (45%) e Não sabe ou não respondeu (10%)

DESLOCAMENTO EM SÃO PAULO

1) Quanto tempo em média você diria que leva para se deslocar pela cidade para realizar a atividade principal do seu dia a dia, como trabalho, estudo, entre outros, considerando a ida e a volta?

O tempo médio geral gasto é de 1 hora e 57 minutos. Os entrevistados que usam carros todos os dias ou quase todos os dias a média é de 1 hora e 49 minutos. Já os entrevistados que usam transporte público todos os dias ou quase todos os dias a média é de 2 horas e 8 minutos.

Os moradores da região Oeste são os que levam menos tempo de deslocamento para realização da atividade principal, sendo 1 hora e 33 minutos. Da região Norte (2 horas e 5 minutos), da região Leste (1 hora e 53 minutos), da região Sul (2 horas e 5 minutos) e do Centro (1 hora e 40 minutos).

2) E levando em conta todos os seus deslocamentos pela cidade, quanto tempo em média você diria que gasta diariamente, para se locomover pela cidade de São Paulo?

O tempo médio geral gasto é de 2 horas e 43 minutos. Os entrevistados que usam carros todos os dias ou quase todos os dias a média é de 2 horas e 23 minutos. Já os entrevistados que usam transporte público todos os dias ou quase todos os dias a média é de 2 horas e 57 minutos.

Os moradores do Centro são os que gastam menos tempo em todos os deslocamentos feitos por São Paulo, sendo 1 hora e 58 minutos. Da região Norte (2 horas e 49 minutos), da região Leste (2 horas e 40 minutos), da região Oeste (2 horas e 13 minutos) e da região Sul (2 horas e 56 minutos).

USO DOS MEIOS DE TRANSPORTE

1) Por favor, gostaria que me dissesse qual destes meios de transporte você usa com mais frequência na cidade de São Paulo?

Ônibus municipal – 43%
Carro – 24%
Metrô – 12%
A pé – 7%
Transporte particular, como Uber, Cabify, 99 POP, e outros – 5%
Trem – 3%
Bicicleta – 2%
Ônibus fretado ou intermunicipal – 1%
Táxi comum ou táxi por aplicativo como SPTaxi e outros – 1%
Motocicleta – 1%
Outros – 1%
Não sabe ou não respondeu – 0%

Em números gerais, o uso de transporte público (que inclui ônibus municipal, metrô, trem, ônibus fretado ou intermunicipal) é de 59% e o uso de transporte particular ou individual (que inclui carro, a pé, bicicleta, táxi comum e motocicleta) é de 32%.

2) Caso houvesse uma boa alternativa de transporte público você: (a base utilizada foram de 730 pessoas que utilizam automóveis todos os dias ou quase todos os dias)

Com certeza deixaria o carro – 41%
Provavelmente deixaria o carro – 32%
Dificilmente deixaria o carro – 7%
Não deixaria de usar o carro – 16%
Não sabe ou não respondeu – 5%

De 41% dos entrevistados que disseram “Com certeza deixaria o carro” e 32% dos entrevistados que disseram “Provavelmente deixaria o carro”, 81% moram no Centro, 80% moram na região Oeste, 75% moram na região Sul, 73% moram na região Norte e 67% moram na região Leste.

USO DOS MEIOS DE TRANSPORTE (ÔNIBUS MUNICIPAL)

1) E com qual frequência você utiliza o ônibus municipal na cidade de São Paulo?

49% dos entrevistados disseram que usam o ônibus de 1 a 5 vezes por semana.

2) Quanto tempo você leva no trajeto do seu domicílio até o ponto de ônibus? (a base utilizada foram 386 entrevistados que usam transporte coletivo todos os dias ou quase todos os dias)

A maioria absoluta dos que usam transporte coletivo todos os dias ou quase todos dias leva até 10 minutos de casa até o ponto de ônibus.

3) Ainda sobre o uso do ônibus municipal, quanto tempo você geralmente costuma esperar no ponto de ônibus?

O tempo médio de espera no ponto de ônibus se mantém em 18 minutos.

4) Na sua opinião, qual é o problema que atualmente mais precisa ser resolvido em relação aos ônibus municipais?

Lotação – 25%
Preço da tarifa – 20%
Frequência do ônibus – 10%
Segurança com relação a furtos e roubos – 9%
Pontualidade dos ônibus – 7%
Tempo de duração da viagem – 6%
Conforto – 5%
Segurança com relação a assédio sexual – 3%
Acessibilidade para pessoas com deficiência – 3%
Limpeza dos ônibus – 2%
Temperatura dentro do ônibus – 2%
Informações nos pontos de ônibus e terminais – 2%
Espaço para carrinhos, malas e sacolas – 1%
Espaço para crianças de colo e pequenas – 1%
Outros – 3%
Não sabe ou não respondeu – 1%

5) Qual o motivo mais importante que faz com que você escolha outros meios de transporte ao invés do uso do ônibus municipal com maior frequência? E quais outros motivos? (a base utilizada foi somente para quem não utiliza ou utiliza ônibus municipal 2 dias por semana ou menor frequência)

Os ônibus são muito cheios – 37%
Utiliza o carro – 32%
Trajeto do ônibus é muito demorado – 31%
Ônibus demora muito para passar – 23%
Outro tipo de transporte é mais rápido – 23%
Os ônibus são de má qualidade – 17%
Os ônibus não são pontuais ou não têm horário certo para passar ou sair dos terminais – 17%
Eu não preciso usar ônibus – 17%
Não me sinto seguro(a) no ônibus – 16%
A tarifa do ônibus é muito cara – 16%
Os ônibus não passam com frequência – 12%
Não sai de casa – 12%
Precisaria utilizar outro transporte para complementar o trajeto – 11%
Motorista ou Cobrador são mal-educados ou mal-humorados – 7%
Os ônibus causam muita poluição – 7%
Corro risco de sofrer assédio sexual – 4%
Onde eu moro, trabalho ou estudo não passa ônibus – 3%
Outro tipo de transporte tem melhor acessibilidade (rampas, elevadores, escadas rolantes) – 2%
Outros – 5%
Não sabe ou não respondeu – 12%

6) Considerando o preço da tarifa e a renda de algumas pessoas, nem sempre é possível pagar por todos os deslocamentos feitos com ônibus municipais pela cidade. Pensando nisso, gostaria de saber com que frequência você deixa de fazer algumas dessas atividades por conta do preço da passagem: (a base utilizada foi somente para quem utiliza ônibus municipal)

Mais da metade diz ter deixado de realizar visitas e atividades de lazer por conta do preço da passagem dos ônibus.

USO DOS MEIOS DE TRANSPORTE (BICICLETAS)

1) Como você avalia a manutenção das ciclovias da cidade nos últimos 12 meses? Você diria que ela tem sido:

Ruim ou péssima – 48%
Regular – 34%
Ótima ou boa – 11%
Não sei ou não respondeu – 8%

2) Você disse que não utiliza bicicleta. Dentre estas opções, quais fariam com que você se tornasse um usuário de bicicleta, ou seja, começasse a usar a bicicleta para circular pela cidade de São Paulo?

Mais segurança para os ciclistas – 30%
Construir mais ciclovias para interligar as diferentes regiões da cidade – 18%
Se trabalhasse ou estudasse mais próximo de casa, se as distâncias fossem menores – 17%
Mais sinalização nas ruas – 16%
Se existissem menos subidas, ladeiras, morros, se a cidade fosse mais plana – 15%
Construção de bicicletários ou paraciclos em locais de trabalho e terminais de trens, ônibus e metrô – 12%
Vestiários e estrutura nos locais de trabalho para acolher ciclistas – 10%
Não utiliza em função das condições de saúde – 6%
Se não tivesse ou não pudesse utilizar o carro – 5%
Nenhuma destas, Outra razão ou motivo – 12%
Não usaria nunca ou Nada me faria usar bicicleta na cidade de São Paulo – 24%
Não sabe ou não respondeu – 4%

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Agora, lançamento da 12a pesquisa sobre mobilidade urbana em São Paulo.

Uma publicação compartilhada por Rede Nossa São Paulo (@_redenossasaopaulo) em

MOBILIDADE URBANA E POLÍTICAS PÚBLICAS

1) Como você diria que se sente quando circula pela cidade como pedestre? Você diria que se sente muito seguro(a), seguro(a), pouco seguro(a) ou nada seguro(a)?

Pouco seguro(a) – 45%
Nada seguro(a) – 43%
Seguro(a) – 10%
Muito seguro(a) – 1%
Não sei ou não respondeu – 0%

2) Desde 2015, o acesso ao transporte público se tornou direito social garantido pela Constituição Federal, como o acesso aos serviços de saúde, educação, segurança, entre outros. Você tinha conhecimento a respeito do acesso transporte público como direito social ou é a primeira vez que ouve falar sobre isso?

É a primeira vez que ouve falar – 70%
Tinha conhecimento – 26%
Não sei ou não respondeu – 3%

3) Como você avalia a atuação do poder público no combate aos casos de assédio sexual que ocorrem no transporte público? Você diria que essa atuação é ótima, boa, regular, ruim ou péssima?

Ruim ou péssima – 51%
Regular – 30%
Ótima ou boa – 13%
Não sei ou não respondeu – 5%

4) Nos últimos 18 meses a administração municipal realizou algumas mudanças na política de benefícios e no sistema de transporte público da cidade de São Paulo. Você foi afetado por alguma dessas mudanças? (a base utilizada foram de 356 entrevistados que foram afetados pelas mudanças)

Retirada de veículos das linhas de ônibus que costuma utilizar (menos veículos na linha) – 36%
Corte de linhas de ônibus municipais – 35%
Mudança de itinerário ou rota das linhas de ônibus – 34%
Mudanças no bilhete único mensal (valor, número de viagens, entre outros) – 31%
Exigência de cadastro para uso do bilhete único e Fim do bilhete único anônimo – 19%
Alterações nas regras da gratuidade do transporte público para os estudantes – 16%

5) Para cada um dos itens que eu citar, gostaria de saber se você é a favor ou contra:

Aplicação de multa para veículos que param em cima da faixa de pedestres – 87% a favor e 8% contra
Construção e ampliação de corredores e faixas exclusivas de ônibus – 84% a favor e 10% contra
Construção e ampliação das Ciclovias e Ciclofaixas – 78% a favor e 16% contra
Aos domingos, utilização exclusiva de ruas e avenidas, como a Avenida Paulista, para lazer e circulação de pedestres e ciclistas – 76% a favor e 16% contra
Substituição das vagas para veículos particulares por áreas de uso público como faixas de ônibus, alargamento de calçadas, ciclovias, parklets – 61% a favor e 25% contra
Proibição de estacionamento de veículos nas ruas e avenidas do centro expandido da cidade – 56% a favor e 29% contra
Redução das velocidades praticadas nas ruas e avenidas da cidade – 51% a favor e 37% contra
Aplicação de multas em pedestres – 42% a favor e 46% contra
Rodízio de 2 dias, ou seja, aumentar o rodízio de carros para dois dias – 35% a favor e 53% contra

6) No último ano, a Prefeitura de São Paulo reduziu a construção e ampliação de corredores exclusivos e faixas de ônibus na cidade, destinando parte dessa verba para o recapeamento de ruas e avenidas. Você concorda ou discorda dessa decisão?

Concorda – 51%
Discorda – 38%
Não sabe ou não respondeu – 11%

Desses 51% dos entrevistados que concordam, 49% fazem uso do transporte coletivo todos os dias ou quase todos os dias, 49% fazem uso do transporte coletivo de vez em quando e 59% fazem uso do transporte coletivo raramente ou nunca.

Desses 38% dos entrevistados que discordam, 42% fazem uso do transporte coletivo todos os dias ou quase todos os dias, 35% fazem uso do transporte coletivo de vez em quando e 34% fazem uso do transporte coletivo raramente ou nunca.

APRENDIZADOS DA PESQUISA DE MOBILIDADE URBANA

Paulistanos descontentes

Mesmo com sensível redução nos tempos de deslocamento dentro da cidade, as demandas por melhorias na lotação e no conforto; nos tempos de espera e de viagem de transporte coletivo permanecem latentes, geram descontentamento e impactam diretamente a avaliação do sistema de transporte público da cidade e na disposição em utilizá-lo.

Transporte público enfraquecido

Ainda que se mantenha como opção de transporte da maioria dos paulistanos, o transporte público de São Paulo parece estar sendo enfraquecido, sobretudo pela percepção de perda de qualidade da estrutura dos ônibus municipais, abrindo espaço para as alternativas individuais, como o carro de passeio e o transporte particular, como o táxi e por meio de aplicativos.

Fortalecimento do transporte individual

Observa-se, então, que o uso frequente do carro se mantém e a disponibilidade em abandoná-lo diminui. Nesse contexto, embora o paulistano seja favorável à medidas que priorizam o compartilhamento do espaço público, medidas como a redução da verba para corredores e faixas exclusivas de ônibus em prol das obras de recapeamento do asfalto, são aprovadas e acabam reforçando o caráter individualista do paulistano.

APRESENTAÇÃO COMPLETA

Em sua página no Facebook, a Rede Nossa São Paulo fez uma live mostrando o lançamento da pesquisa. Assista abaixo a apresentação completa da pesquisa que tem duração de 2 horas e 27 minutos:

MOBILIDADE SAMPA

Quer ficar informado sobre tudo o que acontece na mobilidade urbana de São Paulo e Região Metropolitana?

Então curta nossa página no Facebook.

Siga o @mobilidadesampa no Twitter.

Use a hashtag #mobilidadesampa no Instagram.

Quer falar conosco? Envie um e-mail para contato@mobilidadesampa.com.br

Fique tranquilo. Não enviamos spam, a sua privacidade será respeitada e você poderá sair facilmente quando desejar.

Deixe seu comentário

comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here