Novo Terminal de ônibus da Vila Prudente deve ser concluído em 2018

976
Foto: Gazeta Virtual da Vila Prudente
Publicidade

O consórcio das empresas Versátil Engenharia e DP Barros Pavimentação e Construção vai receber do Metrô de São Paulo o valor de R$ 33,4 milhões para reconstruir o terminal de ônibus que foi desativado na Vila Prudente, em razão da construção do monotrilho da Linha 15-Prata.

De acordo com reportagem do jornal O Estado de São Paulo, o contrato foi assinado neste mês e as obras serão entregues em um ano e meio.

O antigo terminal que operava na Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello foi desativado em março de 2013. O monotrilho da linha 15-Prata deveria ter sido entregue em 2012, depois foi prometido para 2014, mas agora a metade dos 26,6 quilômetros previstos deve ser entregue em 2018. O custo da obra será de R$ 7,2 bilhões, quase 50% mais caro que a previsão inicial.

O monotrilho começou a operar parcialmente em agosto de 2014, no único trecho do modal em São Paulo, entre as estações Oratório e Vila Prudente, que soma 2,9 quilômetros de extensão.

O contrato para a reconstrução do Terminal de ônibus da Vila Prudente prevê três locais de acesso (norte, sul e central), além de passarelas, melhorias viárias no entorno da Estação Vila Prudente, na Avenida Professor Luiz Ignácio de Anhaia Mello e ruas próximas, como a Rua Ibitirama, e ciclovia.

O orçamento inicial do Metrô para esta obra era de cerca de R$ 43 milhões. Até a conclusão do novo terminal, as linhas de ônibus da região continuam utilizando os terminais provisórios, como os terminais que ficam na ruas Cavour e Itamumbuca, onde operam as linhas 5109-10 Vila Prudente – Terminal Mercado3021-10 Vila Prudente – Parque Bancário e 3024-10 Vila Industrial – Parque Bancário.

Deixe seu comentário

comentários

Publicidade

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here