Manobra reduz intervalos dos trens da extensão da Linha 7-Rubi para 15 minutos

A CPTM informa que realizou uma manobra que permitiu a redução do tempo de espera dos trens entre Francisco Morato para Jundiaí, que era de até uma hora de espera

180
Recuperação de via na região da estação Botujuru da Linha 7-Rubi (Foto: Martinha Loureiro)

Na madrugada desta quinta-feira, 17, a CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) concluiu mais uma etapa dos serviços de reparação das vias da Linha 7-Rubi, danificadas pelas fortes chuvas que atingiram a região metropolitana de São Paulo na semana passada.

Os serviços possibilitaram a redução do intervalo médio entre os trens que estava em uma hora nesse trecho, para cerca de 15 minutos, na extensão Francisco Morato-Jundiaí.

Os trabalhos de drenagem e recuperação do solo sob as vias continuarão até que a circulação seja completamente normalizada.

Hoje está ocorrendo um desvio de linha entre as cidades, no local onde houve solapamento do solo e precisará ser reconstruído.

Foto: Diário da CPTM
Foto: Diário da CPTM

* Com informações da página Jornal da Região

Deixe seu comentário