Central de Informações do Metrô completa 40 anos com mais de 6 milhões de ligações de usuários

75
Metrô de São Paulo Madrugada Linha 1-Azul
Foto: Reprodução

A Central de Informações (CIN) do Metrô surgiu como suporte para os funcionários que buscavam orientações para as dúvidas dos passageiros sobre o recém-implantado metrô paulistano.

Para dar conta do volume crescente de solicitações, a Companhia decidiu implantar a Central de Informações no dia 25/01/1976. Ao longo desses 40 anos, estima-se que mais de 6 milhões de chamadas telefônicas foram recebidas.

No último ano (2015), foram 120.261 ligações, o que totaliza 329 informações prestadas por dia. Atualmente, este serviço é gratuito e 12 pessoas (divididas em turnos) atendem as chamadas dos usuários. As informações mais solicitadas pelo público a respeito do Metrô estão listadas no ranking abaixo:

Criada dois anos após a inauguração do Metrô, este serviço pode ser considerado de vanguarda. Naquela época, quase não existiam centrais de atendimento à população. Três funcionários ficavam responsáveis por dar orientações e responder as perguntas a respeito do novo meio de transporte. A curiosidade era tanta que em 1976 já houve o registro de 16.203 ligações. No ano seguinte, o total de atendimentos atingiu a marca de 26.321.

Em 1986, com exatos dez anos de existência, a CIN recebeu 145.025 consultas. A partir de 1995, com a adoção do sistema Distribuidor Automático de Chamadas (DAC), que permite o rodízio dos atendentes, o serviço ganhou agilidade e teve seu tempo de espera reduzido.

Até 2005, as ligações eram tarifadas e a partir de 25/01/2006, quando a Central completou 30 anos, passou a ser gratuita pelo 0800. Por isso, muitas pessoas se tornaram “clientes fiéis”. Por exemplo, tem um passageiro que telefona todo dia para Central e sua pergunta é sempre a mesma: “Como estão operando as linhas do metrô?” Ele já conhece por nome cada um dos atendentes. Também tem aqueles que ligam só para dar “bom dia”.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A Central também está capacitada a receber ligações de pessoas com deficiência auditiva, por meio do 0800-774-4142. Quem não possui os telefones especiais em casa, pode fazer as ligações de aparelhos instalados na área paga de todas as estações.

Foi assim que a Central de Informações se tornou, ao longo desses 40 anos, um serviço de confiabilidade e passou a dar outros tipos de esclarecimentos. Hoje, os atendentes respondem questões sobre localidades, itinerários servidos por ônibus e trens, endereços de hospitais, cartórios e até cemitérios. Para estas e outras dúvidas, o público pode ligar para o telefone: 0800-770-7722, das 5h30 às 23h30, todos os dias da semana.

O surgimento de novas tecnologias e a constante busca pelo aperfeiçoamento dos serviços, motivaram o Metrô a diversificar seus canais de relacionamento e, atualmente, os passageiros podem se manifestar e tirar suas dúvidas pelas redes sociais (Facebook e Twitter); pelo Fale Conosco no site www.metro.sp.gov.br; pelo atendimento presencial na Estação Sé; pelas Caixas de sugestões (em todas as estações); pelo SMS Denúncia (9-7333-2252); e pela Ouvidoria (3371-7274 e 3371-7275). A Central de Informações, porém, se mantém como canal ágil, confiável, muito utilizado pelos usuários e com clientela cativa.

Deixe seu comentário