Mais de 27 mil inscritos se inscrevem para o sorteio dos alvarás do Táxi Preto

Prefeitura de São Paulo encerrou inscrições nesta segunda-feira (1º). Sorteio dos 5 mil alvarás ocorre no dia 10 de dezembro.

215
Táxi

A Prefeitura de São Paulo encerrou as inscrições para o sorteio dos alvarás do Táxi Preto. Foram mais de 27 mil inscritos que irão concorrer para disputar os 5 mil alvarás oferecidos pela administração municipal.

Os Táxis Pretos são veículos de alto padrão que só poderão ser chamados por aplicativos de celular e o pagamento terá que ser feito com cartão de crédito. O sorteio dos alvarás ocorre no dia 10 de dezembro.

O serviço de Táxi Preto foi criado em outubro pelo prefeito Fernando Haddad juntamente com a sanção da lei que proíbe o aplicativo Uber na cidade. Ele só poderá ser acionado por meio de aplicativos. Os alvarás para táxi preto seriam uma alternativa para o Uber continuar atuando, mas a empresa disse que não vai participar por não ser um serviço de táxi.

Os cinco mil alvarás serão subdivididos em quatro lotes. No Grupo A, que inclui condutores que estiveram vinculados a alvarás de terceiros nos últimos anos (atuando como segundo motorista, por exemplo), 2.250 licenças serão destinadas a veículos convencionais da categoria Táxi Preto (lote 1) e 250 para veículos adaptados para passageiros em cadeiras de rodas (lote 2).

No Grupo B, 1.250 licenças serão destinadas exclusivamente para motoristas do gênero feminino (lote 1), e as outras 1.250 irão para veículos convencionais do Táxi Preto (lote I2).
Todos os candidatos devem ter CONDUTAX (cadastro que habilita o cidadão a exercer a profissão de taxista) válido e não podem ser titulares de alvarás.

O taxista deverá disponibilizar meios eletrônicos de pagamento, como cartão de crédito, débito e pagamento via aplicativo. Além disso, deve adotar mapas digitais para acompanhamento do trajeto e do trânsito em tempo real.

Tarifa

A tarifa do Táxi Preto poderá ser de até 25% a mais que o atualmente praticado pelo Táxi Comum.

A tarifa de cada corrida, porém, será flexível: os aplicativos que farão a intermediação das corridas poderão oferecer descontos para os passageiros.

Alvarás

Existem três tipos de alvarás na nova modalidade de transporte público individual:

a) Alvarás convencionais, que devem seguir todas as exigências definidas para a categoria.

b) Alvarás convencionais exclusivos para motoristas do gênero feminino, que, além das exigências definidas para a categoria, só poderão ter mulheres por mulheres.

c) Alvarás adaptados, que estão isentos de cumprir as exigências de entre-eixos, largura e modelo do carro, mas deverão ser adaptados para o acesso de passageiros cadeirantes em sua cadeira de rodas.

Para os alvarás convencionais e alvarás convencionais exclusivos para motoristas do gênero feminino, o valor da outorga será de R$ 60 mil.

Já para os alvarás adaptados, o valor da outorga será de R$ 39.960,00, porque o titular terá um desconto de cerca de R$ 20 mil para compensar os custos da adaptação do veículo. Caso o pagamento seja feito à vista, o taxista terá desconto de R$ 20 mil reais.

Fonte: G1

Deixe seu comentário