Mulheres voltam a protestar contra projeto de lei de Eduardo Cunha

Um protesto na Avenida Paulista reuniu mulheres em defesa dos direitos femininos e contra o machismo, na tarde deste sábado (31).

Com faixas e cartazes, o grupo de mulheres se reuniu no vão livre do MASP. Depois, elas fecharam a pista da Avenida Paulista, sentido Consolação, e saíram em passeata pela Rua Augusta com destino até a Praça Roosevelt, no Centro.

As manifestantes são contra o projeto de Lei 5069, de autoria do presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB), que dificulta o aborto legal em caso de estupro. Elas também pediram a saída dele da presidência da câmara e protestaram contra o machismo e a violência sexual.

Segundo a organização do protesto, cerca de 1,5 mil mulheres participaram da manifestação. A Polícia Militar não divulgou números.

Fonte: G1

Deixe um comentário