Desafio Intermodal termina novamente com vitória da bicicleta

55
Foto: Sidnei Santos

Motociclista e corredores também tiveram bom desempenho.

Representantes da administração municipal participaram da disputa, que faz parte da Semana da Mobilidade 2015.

A cidade de São Paulo foi palco, já no início da noite desta quinta-feira, da 10ª edição do Desafio Intermodal, evento que integra a Semana da Mobilidade 2015 e reúne usuários de diferentes meios de locomoção que promovem entre si uma saudável disputa, cujo propósito é descobrir qual o meio de deslocamento mais rápido em pleno horário de pico na cidade.

Desta vez, além de participantes nos modais coletivos, como ônibus, trem e metrô, havia também pessoas fazendo o deslocamento proposto exclusivamente a pé (caminhando ou correndo), ou utilizando modais menos convencionais, como patins e skate, além de ciclistas com bicicletas dobráveis praticando a intermodalidade com o transporte público.

A largada aconteceu às 18h, na Praça General Gentil Falcão, no Brooklin, e os participantes percorreram várias avenidas em um percurso de 10 quilômetros até a chegada, em frente à Prefeitura de São Paulo, no Viaduto do Chá.

Foto: Sidnei Santos

O secretário municipal de Transportes e o secretário municipal de Saúde estavam entre os participantes do desafio. Eles partiram juntos do Brooklin e realizaram o trajeto de bicicleta em exatamente 1h18 minutos.

“O mais importante é que, diferentemente do ano anterior, os motoristas de veículos particulares estão mais calmos, mais tranquilos. Este ano não reclamaram nem buzinaram para os ciclistas,” observou o secretário, que também participou do Desafio Intermodal realizado no ano passado. O secretário também avaliou que, neste ano, a disputa foi mais segura porque incluiu novos trechos de ciclovias implantadas na atual administração.

O Desafio novamente teve a bicicleta concluindo o trajeto em primeiro lugar, do mesmo modo como ocorreu em 2014. Porém, desta vez, o mecânico de bicicletas Marcelo Florentino Soares, que foi convidado hoje para participar, realizou o trajeto em 17 minutos e 7 segundos, batendo a meta de Ricardo Bruns que no ano anterior foi o vencedor com o tempo de 20 minutos e nove segundos. “A solução para uma cidade melhor não se define somente em ciclovia é sim na educação dos cidadãos,” opinou o vencedor do Desafio.

Outros participantes que chegaram na ponta, logo após Soares, foram o motociclista Victor Campos, que realizou o percurso em 22 minutos e 59 segundos e, depois dele, mais ciclistas. Quem veio correndo também fez bonito. Com 51 minutos e 51 segundos, Silvia S. Cruz foi a primeira corredora mulher que finalizou a disputa nesta edição de 2015.

O Desafio Intermodal é organizado pelo Instituto CicloBR e faz parte da programação oficial da Semana da Mobilidade 2015, uma realização da Prefeitura de São Paulo, Secretaria Municipal de Transportes, SPTrans e CET. Acesse para ter mais informações sobre a Semana da Mobilidade.

Deixe seu comentário