Terminal Jardim Ângela ganha estante de livros gratuitos

718
Terminal Jardim Ângela. Foto: Espaço Multibanco

Projeto já chegou em 12 pontos e todos podem participar. Não é preciso fazer inscrição; é só chegar, pegar o seu e embarcar na aventura de uma boa leitura

“Um livro é um brinquedo feito com letras. Ler é brincar”. Assim já dizia o autor e cronista brasileiro Rubem Alves, que sempre defendeu os benefícios da leitura que cada vez mais se torna acessível por meio de projetos culturais gratuitos, como o inaugurado no último sábado, 25 de julho, no Terminal de Ônibus do Jardim Ângela, na Zona Sul da cidade. Agora, junto com outros 11 terminais gerenciados pela SPTrans, o equipamento tornou-se, também, um ponto de encontro para o compartilhamento de livros.

O projeto de leitura a partir do compartilhamento de publicações em estantes instaladas nos terminais municipais foi batizado de Livro na Faixa. Para participar dele não é necessário fazer inscrição: basta apenas escolher o livro que agradar e levar para casa.

O Livro na Faixa vai além do incentivo à leitura. Também promove a cidadania e a interação entre pessoas por meio da troca de livros e histórias. Isso porque qualquer pessoa que se interessar por levar um livro para casa também pode trazer de casa um outro livro já lido para deixar nas estantes dos terminais.

Onde encontrar livros enquanto espera o ônibus:

Essa é a 12ª estante inaugurada em equipamentos gerenciados pela SPTrans As outras estão instaladas nos seguintes terminais: Grajaú, Capelinha, Guarapiranga, Santo Amaro, Bandeira, Campo Limpo, Lapa, Pirituba, A.E. Carvalho, Carrão e Terminal Parque Dom Pedro II.

O projeto Livro na Faixa é fruto de uma parceria entre as secretarias municipais de Transportes e de Cultura, por meio da SPTrans e da Coordenadoria Municipal de Bibliotecas, respectivamente.

Desde a inauguração, em dezembro de 2014, o Livro na Faixa ganhou parceiros que ajudam na coleta de livros, como a Rede Leitura/Livraria, o SPUbanuss, e as empresas VIP Leste, Ambiental, Mobi, Cidade Dutra, Transpass, Gatusa, Transkuba, Gato Preto e Santa Brígida.

Deixe seu comentário