Acidente interdita trecho do Rodoanel em SP; combustível vaza de caminhão

Uma faixa do trecho sul do Rodoanel, no sentido rodovia Régis Bittencourt, e o acostamento da via seguem interditados no km 57, em São Paulo, devido a um acidente com um caminhão-tanque, desde o início da manhã desta segunda-feira (20).

Segundo a PRE (Polícia Rodoviária Estadual), um caminhão que transportava álcool e óleo diesel tombou na via e com o impacto houve vazamento de combustível. Uma pessoa ficou ferida e foi levada a um hospital da região, mas o estado de saúde não foi informado.

Ao menos três equipes dos bombeiros, uma delas especializada em carga perigosa, foram ao local do acidente para prevenir incêndios.

A carga total do veículo, conforme os órgãos que participam da operação é de 30 mil litros de óleo diesel, dos quais estima-se que vazaram 2.000 litros, e 5.000 de litros de álcool, conteúdo que não vazou.

Além do Corpo de Bombeiros e da PRE, técnicos da Cetesb (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo) e da concessionária da rodovia participam da operação para retirar parte dos líquidos que ainda permanecem no tanque do caminhão.

De acordo com nota oficial da Cetesb, “foram instalados dos sistemas de contenção, com terra e barreira absorvente, logo após a caixa de drenagem, e lançadas turfas (material absorvente, de origem vegetal) sobre o produto que se encontrava na canaleta de concreto. Um córrego próximo ao local do acidente não foi atingido”.

SOB CONTROLE

Ainda segundo o comunicado da companhia, “a situação está sob controle. Uma ‘piscina’ (tanque de contenção) foi colocada sob o ponto de ruptura da tubulação, de onde o produto vazado é bombeado para os tanques de um outro caminhão”.

A Cetesb informou, por fim, que “as equipes que participam dos trabalhos emergenciais optaram pelo esgotamento de todo o óleo diesel ainda contido nos compartimentos e sua transferência para o outro caminhão, operação que será acompanhada até sua conclusão, nas próximas horas”.

Não há previsão de liberação do trecho.

Fonte: Folha de São Paulo