Rua Henrique Schaumann ganha 1º varal de radares da cidade de SP

643

Conjunto de câmeras inteligentes fiscaliza faixas com mais precisão.
Motoristas reclamam da novidade e dizem que há exagero.

O primeiro varal de radares da cidade de São Paulo, um conjunto de câmeras inteligentes, foi instalado na Rua Henrique Schaumann, na Zona Sul da capital paulista.

Os novos radares fazem parte do projeto de renovação e ampliação da fiscalização que a Prefeitura está implantando com o intuito de reduzir o número de acidentes e infrações no trânsito.

Com leitura automática de placa, fiscalização de velocidade, desrespeito ao rodízio, invasão de corredores e circulação de fretados, os novos equipamentos devem chegar a 884 até o fim deste ano. No ano passado, eram 580 aparelhos espalhados pelas ruas da cidade. Com essa renovação foram gastos R$ 500 milhões.

O varal de radares permite que todas as faixas sejam examinadas com precisão. No entanto, a novidade não agradou os motoristas.

O publicitário Márcio Teodoro “Eu acho que radar tem que existir por uma questão de educação, para educar o motorista, mas eu acho também que ele não pode ser abusivo pra não gerar a indústria da multa”, afirmou.

Já o motorista particular José Carlos de Araújo condena a ampliação. “Eu acho um exagero porque a cidade está repleta de radar já e não oferece um asfalto bom, um piso bom, é só multa”, declarou.

O diretor de Planejamento e Educação de Trânsito da CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), Tadeu Leite Duarte, discorda que exista exagero. “É uma questão de ajuste de comportamento, uma questão de conceito de uma cidade mais segura ela é feita com velocidades mais reduzidas, com trânsito mais seguro”, disse.

Nos quatro primeiros meses deste ano, foram feitas 2.707.430 multas eletrônicas na cidade. São 309 mil a mais que as infrações realizadas no mesmo período do ano passado, quando os radares flagraram 2.498.068 infrações no trânsito.

Fonte: G1

Deixe seu comentário