20.2 C
São Paulo
sexta-feira, maio 24, 2024

Sindicato marca greve no Metrô para o dia 22 de maio

Os metroviários de São Paulo decretaram greve para a próxima quarta-feira, 22 de maio de 2024, como anunciado nesta quarta-feira, 15 de maio. A paralisação está programada para iniciar à 0h do dia 22, acompanhada por um ato na Sé às 16h do dia 20 de maio. Entre as principais reivindicações da categoria estão:

  1. Mais contratações: Os metroviários alegam uma defasagem de 3,5 mil funcionários em seu quadro e exigem mais contratações para aliviar a sobrecarga de trabalho.
  2. Plano de carreira: A categoria pede a interrupção da implantação de um plano de carreira unilateral e exige que a empresa discuta uma proposta construída em conjunto com os trabalhadores.
  3. Reintegração de demitidos: Eles lutam pela reintegração dos colaboradores demitidos, incluindo aqueles demitidos por participarem de manifestações e trabalhadores de áreas alvos de terceirização.
  4. Retirada de punições: Os metroviários exigem a retirada de punições aplicadas por realização de greves e o cancelamento de multas consideradas “milionárias impagáveis”.
  5. Pagamento correto dos Steps e PR: Eles reivindicam o pagamento correto das progressões de carreira (Steps) e da Participação nos Resultados (PR), alegando que a empresa não está cumprindo acordos anteriores.
  6. Reajuste salarial: Criticam a proposta de reajuste salarial de 2,77% proposta pelo Metrô, alegando que ela não considera o ano sem reajuste e o aumento da produtividade em relação à redução do quadro de funcionários e ao aumento da demanda.

O Sindicato dos Metroviários afirma que a empresa tenta enganar a categoria ao afirmar que a proposta de reajuste foi estabelecida em Sentença Normativa, argumentando que a sentença apenas estabelece parâmetros mínimos das cláusulas sociais e a necessidade de discussão sobre os itens econômicos.

Com a greve deflagrada, as linhas afetadas serão: 1-Azul (Jabaquara – Tucuruvi), 2-Verde (Vila Prudente – Vila Madalena), 3-Vermelha (Corinthians/Itaquera – Palmeiras/Barra Funda) e 15-Prata do monotrilho (Vila Prudente – Jardim Colonial).

MOBILIDADE SAMPA

Siga o Mobilidade Sampa nas redes sociais e fique informado sobre a mobilidade urbana de São Paulo e Região Metropolitana:

  • Twitter
  • Instagram
  • Telegram
  • Facebook
  • YouTube
  • LinkedIn
  • Igor Roberto
    Igor Robertohttps://noticiando.net/
    Paulistano, empreendedor e pai. Formado em gestão pública e graduando em Direito. É fascinado por temas relacionados a mobilidade urbana e o transporte público. É o redator de conteúdo dos sites de mobilidade do Grupo PLN. Quer entrar em contato com o Igor? Envie um e-mail para igor@grupopln.com.br.

    ÚLTIMOS POSTS

    ESCREVA SEU COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    SIGA-NOS

    6,317SeguidoresSeguir
    28,236SeguidoresSeguir
    439InscritosInscrever
    PUBLICIDADE

    ÚLTIMOS POSTS