Governo de SP estuda trem entre SP e Santos e quer leiloar outros dois projetos até 2026

O Governo de São Paulo planeja três novos empreendimentos ferroviários ligando a capital paulista a outras cidades. Após o leilão do Trem Intercidades (TIC) de São Paulo a Campinas, marcado para esta quinta-feira (29), a gestão do governador Tarcísio de Freitas pretende avaliar a viabilidade de criar trens intercidades para Santos, Sorocaba e São José dos Campos.

O TIC para Santos é considerado de alta complexidade, especialmente devido à dificuldade de ultrapassar a Serra do Mar. A proposta menciona um caminho que passaria por Mongaguá, onde a inclinação da serra é mais propícia. A ligação das ferrovias a São Paulo seria por Parelheiros, pela Linha 9-Esmeralda, embora seja considerado um desafio.

Outros dois projetos começam a ganhar forma. Um estudo foi contratado junto ao International Finance Corporation (IFC), braço do Banco Mundial, para viabilizar um TIC ligando São Paulo a Sorocaba. O governo já possui 200 traçados prontos para o projeto, e a intenção é realizar a audiência pública no início do próximo ano.

O TIC Sorocaba tem um investimento previsto de R$ 9,5 bilhões, com o objetivo de publicar o edital no meio de 2025 e realizar o leilão em 2026. Além disso, o governo está discutindo a contratação do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) para estudos de um trem ligando São Paulo a São José dos Campos, com o possível leilão previsto para 2027.