Prefeitura de Leme rompe contrato com empresa de transporte coletivo

A Prefeitura de Leme anunciou a rescisão do contrato com a empresa de transporte coletivo Viação TransBellaFlor devido à paralisação do serviço desde segunda-feira (23/10).

A empresa alega falta de pagamento de subsídio, enquanto a Prefeitura cita falta de prestação de contas e reclamações dos usuários.

O contrato, assinado em julho de 2022 por R$ 90 milhões, deveria durar 20 anos. A população, que depende do transporte, enfrenta transtornos. A Prefeitura busca uma empresa emergencial até 1º de dezembro.