Decisão sobre greve no Metrô sai hoje após assembleia

A decisão se haverá ou não greve no Metrô de São Paulo amanhã, dia 15, sai em assembleia nesta noite.

Os metroviários irão se reunir a partir das 18h30 para tomar uma decisão sobre o ato.

A categoria protesta contra a decisão do governador Tarcísio de Freitas de terceirizar os serviços de manutenção da linha 15-Prata, cuja licitação está marcada para o próximo dia 28.

O Tribunal Regional do Trabalho (TRT) concedeu liminar em que determinar que o Metrô continue funcionando caso os metroviários entrem em greve a partir da 00h desta terça, 15 de agosto.

Segundo a liminar, 70% da frota deve operar nos horários de pico, entre 06h e 09h e das 16h às 19h e 30% nos demais horários.

Caso a decisão seja descumprida, o Sindicato dos Metroviários de São Paulo deverá pagar multa diária de cem mil reais.