Rodovia Mogi-Bertioga interditada no trecho de Serra

A rodovia Mogi-Bertioga segue com interdição total na altura do km 82, no trecho de Serra, em Biritiba Mirim, nesta terça-feira, 21 de fevereiro, segundo o Departamento de Estradas de Rodagem (DER). A interdição foi necessária devido a um rompimento de tubulação que fez o asfalto ceder no domingo (19/02).

Também há interdição parcial nos quilômetros 90 e 91, devido à queda de barreira e no km 87, devido a uma erosão. Uma equipe do DER começará nesta terça-feira a recuperação da rodovia com um investimento previsto de R$ 9,4 milhões e prazo de 180 dias. A recuperação incluirá uma nova pista, sistema de drenagem, muro de arrimo e reforço do muro existente.

O DER sugere que os motoristas utilizem as rotas alternativas: Sistema Anchieta-Imigrantes e as rodovias dos Tamoios e Oswaldo Cruz.

DER Mogi
Erosão no km 82, em Biritiba Mirim – Foto: Reprodução/DER
Mogi Trabalhos
Foto: Divulgação/DER

Veja abaixo as atualizações informadas pelo Twitter do DER.

13h36 – Bloqueio total no km 82, no trecho de Serra. Tráfego interditado no planalto (km 77) e no trevo com a SP-055 (km 98). Ao longo da rodovia, há diversos avisos e pontos onde os usuários são orientados. Rota alternativa para o litoral: Sistema Anchieta-Imigrantes e rodovia dos Tamoios. Lembrando que no litoral, em virtude da interdição total em Juquehy, não é possível o trajeto entre Bertioga e São Sebastião ou vice-versa.

12h25 – Segue bloqueio total no km 82, no trecho de Serra.

9h27 – Obras iniciadas no km 82,1, em Biritiba Mirim.

9h06 – Permanece bloqueio total no km 82, no trecho de Serra. Rotas alternativas: rodovia dos Tamoios ou Sistema Anchieta-Imigrantes.

7h08 – Interdição total no trecho de Serra no km 82. Não há nenhuma previsão de liberação. Rota alternativa: rodovia dos Tamoios ou Sistema Anchieta-Imigrantes.

5h42 – Segue interdição total no km 82,1, devido erosão.

Timelines

Veja a timeline do DER em tempo real:

Veja a timeline com as informações em tempo real do Governo do Estado de São Paulo.