CPTM fará manutenção preventiva em escadas rolantes na Estação Brás em agosto e setembro

Equipamentos ficarão indisponíveis aos passageiros durante o período; veja alternativas

45
Linha 7-Rubi na estação Brás
Estação Brás (Foto: Pelo Brasil Viagens/Instagram)

Desde domingo, dia 2 de agosto de 2020, a CPTM está fazendo uma série de manutenções preventivas programadas nas escadas rolantes da Estação Brás, que atende as linhas 7-Rubi, 10-Turquesa, 11-Coral e 12-Safira.

Os equipamentos não estarão disponíveis aos passageiros durante o período de manutenção.

Serão realizados serviços de manutenção nas peças de rolamento das engrenagens dos redutores e motores elétricos, buchas, retentores, lonas de freios, borrachas de acoplamento, troca de óleo, além de troca das engrenagens, esteirão (corrente de degraus) e corrimão.

Estas escadas rolantes ficarão totalmente isoladas com tapumes de madeira devidamente identificados, e serão sinalizados com pitombos na parte inferior e superior.

A primeira escada rolante a passar pela manutenção será a que atende as plataformas 6 e 7 da Linha 12-Safira, entre os dias 2 e 13 de agosto. Outra escada rolante e um elevador estarão disponíveis aos passageiros nas mesmas plataformas.

Entre os dias 16 e 27 de agosto será a vez da escada rolante do mezanino da estação, e o passageiro poderá utilizar uma segunda escada rolante e dois elevadores. Já entre 30 de agosto e 19 de setembro a manutenção preventiva acontece em uma escada rolante nas plataformas 2 e 3 das linhas 7-Rubi e 11-Coral, com opção de uso de outras duas escadas e um elevador.

As manutenções preventivas programadas são essenciais para garantir a segurança e a comodidade dos passageiros da estação mais movimentada de todo o sistema da CPTM, pois evita paradas não previstas, principalmente em horários de pico, quando o fluxo de passageiros é maior.

A Companhia lembra ainda que muitas vezes as escadas rolantes deixam de funcionar por conta de atitudes de vandalismo, e trabalha para que essas ações que prejudicam tantas pessoas sejam coibidas

Deixe seu comentário