PUBLICIDADE

Bruno Covas anuncia medidas para manter empregos de trabalhadores do setor de transportes

Bruno Covas 647C/10
Foto: Sidnei Santos/SPTrans

O prefeito Bruno Covas confirmou nesta segunda-feira, dia 30 de março de 2020, gastos de cerca de R$ 375 milhões por mês para manter os empregos de 108 mil trabalhadores de empresas terceirizadas que prestam serviços para a Prefeitura de São Paulo, entre elas as empresas de ônibus, garantindo assim, os empregos de motoristas, cobradores e demais profissionais da categoria. A informação foi divulgada pelo Diário do Transporte.

A medida faz parte do projeto de lei 180, de autoria do prefeito Bruno Covas, com um pacote de medidas para redução dos impactos econômicos causados pelo novo coronavírus na capital paulista.

A Câmara Municipal de São Paulo havia aprovado o projeto de lei no dia 27 de março, por meio de uma sessão virtual.

Bruno Covas não descartou a possibilidade de os subsídios serem maiores que os previstos antes da pandemia de coronavírus que se originou na China.

Leia também

MOBILIDADE SAMPA

Siga o Mobilidade Sampa nas redes sociais e fique informado sobre a mobilidade urbana de São Paulo e Região Metropolitana:

  • Twitter
  • Instagram
  • Telegram
  • Facebook
  • YouTube
  • LinkedIn
  • SEM COMENTÁRIOS

    ESCREVA SEU COMENTÁRIO

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui

    Sair da versão mobile