Metrô apresenta programação cultural de agosto

19
Linha da Cultura Arte e Cultura Programação cultural
Foto: Rogerinho Ferradura
Publicidade

Durante todo o mês de agosto, o Metrô de São Paulo recebe novas atrações da tradicional Linha da Cultura, programa que leva arte, cultura e entretenimento para as estações da cidade.

Jornada do Patrimônio – (re)conheça seus bens culturais

As estações Sé e Tatuapé, da Linha 3-Vermelha; Jardim São Paulo e Santana, da Linha 1-Azul, recebem, a partir do dia 3 de gosto a exposição “Jornada do Patrimônio – (re)conheça seus bens culturais”.

As 72 ilustrações digitais da exposição organizada pelo Departamento do Patrimônio Histórico da Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo tem como principal objetivo estimular a população a reconhecer os patrimônios históricos e culturais paulistanos, que tratam da memória e identidade dos diferentes grupos sociais presentes na cidade. As ilustrações em cada estação serão patrimônios da região que a estação está localizada.

Escritores Brasileiros: Ignácio de Loyola Brandão

Na linha 2-Verde a Estação Clínicas, os passageiros poderão conferir a partir do dia 1º de agosto, a exposição sobre a vida e a arte de Ignácio de Loyola Brandão. A mostra “Escritores Brasileiros: Ignácio de Loyola Brandão” reúne 22 painéis sobre a carreira, vida e trabalho do recém-eleito para a cadeira 11 da Academia Brasileira de Letras.

Na Linha do Humor

A partir do dia 10 de agosto, os passageiros da Estação Santa Cecília poderão se divertir com a mostra “Na Linha do Humor” que apresenta caricaturas de personalidades famosas como os ídolos do esporte Cristiano Ronaldo, Ney, além da artista Rita Lee, o ator Charlie Chaplin, o cartunista Maurício de Souza e da ativista paquistanesa Malala. As caricaturas fizeram parte da 45º edição do Salão do Humor de Piracicaba.

Amazônia: preservação natural e cultural

Ainda no dia 10 de agosto, a Estação República, da Linha 3-Vermelha, recebe a exposição “Amazônia: preservação natural e cultural“, que reúne 17 imagens do fotógrafo Marcos Piffer, que fazem parte do livro Amazônia: preservação natural e cultura. As imagens retratam uma parcela da beleza da flora e fauna amazônica, que tem o título de floresta tropical que abriga a maior biodiversidade no planeta com mais de um terço das espécies que vivem sobre a Terra.

Bichos do Brasil

Também na Estação República da Linha 3-Vermelha, haverá a exposição “Bichos do Brasil”, da artista Walkiria Barone. As 9 pinturas da exposição. Ao retratar os animais, ela consegue sensibilizar o público e mostrar didaticamente um pouco da riqueza da fauna brasileira, além de despertar a consciência para a preservação das espécies, principalmente as que estão em extinção.

View this post on Instagram

Ilustres Desconhecidos , animais pouco conhecidos, alguns em processo de extinção. Serie desenvolvida em parceria com o @institutotamandua #olingo #matamata estará exposta na Exposição “Bichos do Brasil em movimento “ na Estação República Metrô ✨ Agosto 2019 #bancocentraldobrasil #bichosdoreal #casadamoedadobrasil #capivara #veadocampeiro #tatubola #bichosdobrasilprodutos #aeroportosantosdumont #tartarugamarinha #bichosdobrasilprodutos #oncapintada #garca #galeriadearte #museumofnaturalhistorynyc #naturalhistorymuseumlondon #muralista #cptm #metrosp #metrorj #anta #faunabrasileira #decoração #preservacaoambiental #guggenheimmuseum #highlinepark #subwayart #subwaynyc

A post shared by Walkiriabaronebichosdobrasil (@walkiriabaronebichosdobrasil) on

Modernos Eternos – Ora et Labora

Já na Linha 1-Azul, a Estação São Bento contará com 19 painéis da exposição “Modernos Eternos – Ora et Labora”. O projeto Ora et Labora se dá através de duas ações artísticas paralelas, sendo uma nos painéis e outra na vitrine cultural da estação.

O tema: Ora et Labora (Ora e Trabalha) foi baseado no lema de vida de São Bento e da Ordem Beneditina. A proposta aos artistas participantes foi fazer uma releitura e contextualizá-la no século 21.

Expedição Savanas Africanas

Na Estação Sacomã, da Linha 2-Verde, estará disponível para visitação a exposição “Expedição Savanas Africanas”, do fotógrafo Alberto Takaoka. São 46 fotografias que foram registradas no Park Nacional Kruger, na África do Sul. Takaoka procurou captar o esplendor e o amor entre os animais selvagens e humanos.

Histórias das Mulheres, Histórias Feministas

E na Estação Trianon-Masp, também na Linha 2-Verde, a vitrine que é uma parceria entre o Museu de Arte de São Paulo e o Metrô, vai contar com a exposição “Histórias das Mulheres, Histórias Feministas”.

Na vitrine, terá imagens de alguns quadros disponíveis para visitação no museu. A exposição se desdobrará com a de missão de resgatar e difundir o trabalho de artistas mulheres, e por isso, contará com diversas obras de artistas do século XVI ao século XXI.

Linha da Cultura

Para acompanhar a programação completa da Linha da Cultura do Metrô, acesse o site do Metrô.

Deixe seu comentário

comentários

Publicidade

1 COMENTÁRIO

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here