Não haverá greve de ônibus em São Paulo nesta quinta-feira, dia 23

O Sindmotoristas (Sindicato dos Motoristas e Cobradores de Ônibus) decidiram em assembleia realizada na tarde desta quarta-feira, dia 22 de maio, não realizar greve de ônibus em São Paulo nesta quinta-feira, dia 23 de maio.

A categoria que está em campanha salarial, decidiu aceitar as propostas feitas pelas empresas de ônibus, por meio do SPUrbanuss (Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de Passageiros de São Paulo).

As empresas de ônibus ofereceram reajuste salarial de 5,10% nas negociações que ocorreram no início desta semana. A proposta inicial era de 4,42% para reposição da inflação.

Inicialmente, a categoria havia feito um pedido de aumento real de 3%, incluindo a reposição inflacionária, o que daria em torno de 8% em sua totalidade.

As demais propostas aceitas pelo Sindicato dos Motoristas e Cobradores de Ônibus foram:

  • Participação nos Lucros de Resultados pode chegar a R$ 1.500,00, mas será condicionada ao número de faltas, ou seja, para o funcionário que não tiver faltado ao trabalho nenhum dia. Inicialmente, a categoria pedia R$ 2.000,00 sem este condicionamento com os dias de falta.
  • O Vale-Refeição sobe para R$ 25,20.

Portanto nesta quinta-feira, dia 23 de maio, não haverá greve de ônibus em São Paulo, a circulação dos ônibus ocorrerá normalmente.

Os trens do Metrô e da CPTM também vão operar normalmente.

Mobilidade Sampa

Quer ficar informado sobre tudo o que acontece na mobilidade urbana de São Paulo e Região Metropolitana?

Então curta nossa página no Facebook.

Siga o @mobilidadesampa no Twitter.

Siga o @mobilidadesampa no Instagram.

Fique tranquilo. Não enviamos spam, a sua privacidade será respeitada e você poderá sair facilmente quando desejar.

Deixe um comentário