Fiscalização de vagas especiais será mantida aos finais de semana no período de compras de Natal

O objetivo é garantir o respeito às vagas especiais em razão da proximidade do Natal, quando os estabelecimentos registram um aumento maior de pessoas

13
vagas especiais estacionamento para idoso são paulo cartão de estacionamento para idoso
Foto: Hewdy Lobo

A Companhia de Engenharia de Tráfego realiza blitze especiais para verificar se os motoristas estão respeitando as vagas de idosos e de pessoas com deficiências em estabelecimentos privados na cidade de São Paulo. A ação especial de final de ano irá se repetir todas as sextas, sábados e domingos do mês de dezembro até o Natal.

O objetivo é garantir o respeito às vagas especiais em razão das compras de final de ano, quando os estabelecimentos registram um aumento maior de pessoas. Importante destacar que a fiscalização é diária e permanente, mas ganha o reforço de blitze especiais nessa época do ano.

As primeiras blitze de Natal aconteceram entre os dias 28, 29 e 30 de novembro e 1º de dezembro e, nesse período, registraram 201 autuações, sendo 21 autuações por desrespeito à vaga para pessoas com deficiência e 180 autuações por uso indevido das vagas para idosos.

A fiscalização em estabelecimentos privados começou em 1º de setembro de 2017. A ação vem acontecendo em shoppings e supermercados que se adequaram à sinalização correta para estas vagas especiais, cumprindo as regras do Manual de Sinalização da Companhia de Engenharia de Tráfego.

De acordo com as resoluções 303 e 304 de 2008 do Conselho Nacional de Trânsito, os estabelecimentos particulares devem destinar 5% das vagas existentes para os idosos e 2% das vagas existentes para as pessoas com deficiência. A regularização das vagas deve ser realizada conforme o Manual de Sinalização da Companhia de Engenharia de Tráfego.

Para utilização das vagas especiais, os idosos e deficientes devem possuir um cartão de estacionamento nominal específico. Quem estiver sem esse documento, poderá ser autuado. O desrespeito à lei resulta em multa de R$ 293,47 e sete pontos na carteira de motorista. Para denunciar o uso irregular da vaga, o cidadão ou a administração do estabelecimento poderá acionar a Companhia de Engenharia de Tráfego pelo telefone 1188.

LEIA TAMBÉM

NOTÍCIAS

Acompanhe todas as notícias sobre o trânsito da cidade de São Paulo, acessando a seção Trânsito.

MOBILIDADE SAMPA

Quer ficar informado sobre tudo o que acontece na mobilidade urbana de São Paulo e Região Metropolitana?

Então curta nossa página no Facebook.

Siga o @mobilidadesampa no Twitter.

Use a hashtag #mobilidadesampa no Instagram.

Fique tranquilo. Não enviamos spam, a sua privacidade será respeitada e você poderá sair facilmente quando desejar.

Deixe seu comentário

comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here