Ciclofaixa é instalada na Rua Costa Carvalho no bairro de Pinheiros

Via exclusiva para bicicletas tem 1.100 metros de extensão e funcionará em caráter de teste operacional por dois meses. Objetivo é promover melhorias na mobilidade urbana na área afetada por interdição da Marginal Pinheiros.

308
Rua Costa Carvalho
Rua Costa Carvalho
Publicidade

A Prefeitura de São Paulo, em parceria com as empresas de compartilhamento de bicicletas Tembici e Yellow, instala nesta quinta-feira, dia 27 de dezembro, em caráter de teste operacional, a ciclofaixa da Rua Costa Carvalho, em Pinheiros, na zona oeste da cidade de São Paulo.

O objetivo é promover melhorias na mobilidade em uma área afetada pela interdição da Marginal Pinheiros, facilitando a integração entre modais.

A ciclofaixa operacional de 1.100 metros conecta a ciclovia da Avenida Pedroso de Morais ao Terminal Pinheiros. Seu trajeto compreende as ruas Costa Carvalho, Sumidouro, Eugênio de Medeiros e Capri, onde está localizado o terminal.

“Essa ciclofaixa desempenha uma função estratégica e de grande importância para a mobilidade em toda a região, pois garante a conectividade da malha cicloviária com o Terminal Pinheiros, onde há ampla oferta de transporte público municipal, além da estação da Linha 4-Amarela de Metrô e da Linha 9-Esmeralda da CPTM”, explica o secretário municipal de Mobilidade e Transportes, João Octaviano Machado Neto.

O presidente da Companhia de Engenharia de Tráfego, Milton Persoli, destaca que “a nova via exclusiva também amplia a mobilidade em uma área diretamente atingida pela interdição da Marginal Pinheiros”.

Instalada pela Secretaria Municipal de Mobilidade e Transportes, por meio da Companhia de Engenharia de Tráfego, a ciclofaixa terá duração de dois meses.

Inicialmente, a faixa exclusiva para bicicletas será operada pela Companhia de Engenharia de Tráfego de maneira conjunta com a Tembici e a Yellow, em um período de adaptação aos padrões de funcionamento da via. Após esse período inicial, a ciclofaixa operacional será mantida pelas empresas.

Durante os 60 dias, a Companhia de Engenharia de Tráfego fará um estudo de demanda da via em parceria com as duas operadoras, para a posterior implantação de uma ciclovia no local.

A Tembici, que gerencia o programa Bike Sampa, e a Yellow irão fornecer cones para segregar a ciclofaixa operacional das faixas de rolamento para os demais veículos. Todo material utilizado será doado à Companhia de Engenharia de Tráfego pelas operadoras ao final do processo.

Estudo de demanda

Ao longo dos 60 dias em que a ciclofaixa operacional permanecerá no local, a Companhia de Engenharia de Tráfego realizará um estudo da utilização da via em parceria com Tembici e Yellow, contabilizando seu uso nos diferentes períodos do dia e observando como os ciclistas se comportam na faixa exclusiva, para verificar a necessidade de eventuais ajustes na geometria. O estudo será analisado e discutido com técnicos da Companhia de Engenharia de Tráfego e da Secretaria Municipal de Mobilidade e Transportes.

A Secretaria Municipal de Mobilidade e Transportes já realizou duas audiências públicas, ambas na Subprefeitura de Pinheiros, para debater com a população a implantação da ciclovia da Rua Costa Carvalho. O primeiro encontro ocorreu no dia 15 de agosto de 2017, e a segunda audiência pública foi feita em 18 de abril de 2018.

Deixe seu comentário

comentários

Publicidade

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here