Linha 5-Lilás do Metrô recebe prêmio como Melhor Projeto de Criação de Emprego em 2017

Nesta quarta-feira (13/09), durante o 15° Fórum Latino Americano – Brasil de Liderança em Infraestrutura, a Linha 5-Lilás do Metrô de São Paulo foi premiada como melhor projeto de criação de emprego em 2017, concorrendo com os projetos da Ferrovia EF-170 – MT/PA – Ferrogrão do Mato Grosso e Second Round of Pre-Salt. As obras de implantação da Linha 5-Lilás geraram mais de 5.500 postos de trabalho.

A ampliação da linha 5-Lilás compreende a construção de 11 km e 11 estações, de Adolfo Pinheiro (inaugurada em fevereiro de 2014) a Chácara Klabin, além da aquisição de 26 novos trens e implantação do moderno sistema de sinalização e controle. No dia 6 de setembro, mais um trecho de 2,8 km e três novas estações – Brooklin, Borba Gato e Alto da Boa Vista – foram abertas ao público (inicialmente em operação assistida de segunda a sábado, das 10h às 15h).

Mais seis novas estações serão entregues até o final deste ano (Eucaliptos, Moema, AACD-Servidor, Hospital São Paulo, Santa Cruz e Chácara Klabin), exceto a Estação Campo Belo. Quando completa, de Capão Redondo a Chácara Klabin, cerca de 850 mil pessoas devem utilizar diariamente os 20 km e 17 estações da linha.

Novas estações

Privilegiando a sustentabilidade, as novas estações da Linha 5-Lilás possuem em seus respectivos acessos principais uma grande cúpula de vidro como elemento visual marcante, que permite a ampla entrada de luz natural para seu interior, gerando economia de energia elétrica. Os vidros protegem contra a entrada de raios ultravioleta e reduzem a retenção de sujeira, facilitando a limpeza. Este conceito arquitetônico está alinhado com as mais recentes tendências adotadas em projetos de estações dos principais sistemas de metrô do mundo – como as estações Fulton Center, 34th Street/11th Avenue, Whitehall Street/South Ferry e a nova estação do World Trade Center em Nova Iorque; Canary Wharf e Battersea em Londres; e as estações da nova linha 15 de Paris.

Deixe um comentário