Ações de conscientização marcam semana dedicada ao transporte coletivo no Maio Amarelo

Bandeirolas para chamar a atenção; “homem-celular”, incentivando o uso do transporte coletivo para quem gosta de ficar ao telefone; e esquetes de teatro, serão recursos para reforçar a importância da educação entre usuários, motoristas e cobradores de ônibus na cidade

Dentro da programação do Maio Amarelo, mês de conscientização sobre a valorização da vida e da segurança no trânsito, a SPTrans promoverá, entre os dias 29 de maio e 2 de junho, três ações de maior abrangência e destaque para o transporte coletivo por ônibus na maior cidade do País.

De 29 a 31 de maio, os pedestres e usuários poderão encontrar, em cinco pontos da cidade com corredores e faixas de ônibus, bandeirolas de sinalização nas faixas de pedestre. O objetivo da ação é reforçar a conscientização sobre a travessia segura.

As bandeirolas estão em trechos da Avenida Celso Garcia, Estrada do M’Boi Mirim, Avenida Guarapiranga, Avenida Rangel Pestana e Rua da Consolação.

“Homem-Celular”

Nos mesmos dias, no Viaduto do Chá, na Avenida Brigadeiro Faria Lima, no Largo da Concórdia e na Avenida Paulista, haverá outra ação importante: duas pessoas, caracterizadas com fantasias de “homem celular”, serão posicionadas nos cruzamentos com uma missão especial: divulgar a ideia de que a utilização do transporte coletivo é a mais adequada para quem gosta de falar ao celular.

A ação pretende mostrar os perigos de se falar ao telefone dirigindo ou andando nas ruas sem a atenção necessária.

Teatro para ensinar a combater stress e desatenção

Nos dias 29 de maio e 1º e 2 de junho, das 11h30 às 13h, também haverá esquetes teatrais durante o percurso de algumas linhas de ônibus.

Os personagens Doutor Stress (Vilão) e Super de Boa (Heroína) irão apresentar esquetes rápidos com o propósito de transmitir a mensagem de que a correria e a desatenção podem gerar situações de vulnerabilidade e causar acidentes para os motoristas e os usuários do transporte coletivo.

Foto: Divulgação

SPTrans desenvolveu mais de cem ações

Desde o início do mês, o Maio Amarelo gerou uma agenda com mais de cem ações que registraram resultado positivo: foram quase 15 mil coletivos circulando com o adesivo amarelo da campanha, além de três edições do Jornal do Ônibus, difundindo o conceito do programa e divulgando o site maioamarelo.prefeitura.sp.gov.br.

Os informativos trazem orientações de segurança no trânsito. A SPTrans também produziu uma edição especial do Bilhete Único, com o logo do Maio Amarelo.

Outra ação já realizada foi a visita de quatro turmas de alunos da Escola Viva ao Terminal Pinheiros, local em que as crianças conheceram atividades do Maio Amarelo e aprenderam como funciona o transporte público por ônibus na capital paulista.

Os representantes das áreas de recursos humanos e operacionais das empresas de ônibus e os profissionais da SPTrans também não foram deixados de fora: reuniões sobre o conceito do movimento, atividades nas garagens e palestras sobre segurança no trânsito foram promovidas, envolvendo mais de 650 trabalhadores.

Deixe um comentário