Assaltos nos pontos de ônibus no Itaim Paulista

445
Moradores do Itaim Paulista reclamam dos constantes assaltos nos pontos de ônibus (Foto: Évelin Argenta/Rádio CBN)

A Rádio CBN está realizando uma série de reportagens especiais “Seu Bairro nossa cidade“, sobre os bairros da capital paulista, com os problemas que os moradores enfrentam diariamente.

Na última quarta-feira (24/8) a repórter Évelin Argenta visitou o bairro do Itaim Paulista e dentre as reclamações dos moradores estão os assaltos nos pontos de ônibus e a deficiência do transporte público.

Assaltos nos pontos de ônibus

Homens em uma moto, armados ou não, intimidam e até rendem os passageiros nos pontos de ônibus para roubar celulares e pertences de valor.

São quatro ruas onde isso está acontecendo com mais frequência: Rua Marco Antonio Setti, Rua Renata Agondi, Rua Padre Virgílio Campêlo e a Rua Desembargador Paulo Otáviano Diniz Junqueira.

Apesar de o policiamento ostensivo e a repressão aos roubos ser um dever do estado, os moradores acreditam que a prefeitura também tem sua responsabilidade. Eles dizem que os pontos ficam em locais desertos. A recepcionista Jaíne Araújo disse a reportagem da CBN que é preciso desenvolver estratégias para evitar os assaltos, cada vez mais frequentes.

Jaíne Araújo conta que na rua lateral ao ponto de ônibus a iluminação é muito ruim quando começa a escurecer ou quando ainda não amanheceu, justamente quando o movimento é maior. O supervisor técnico de uma empresa de componentes elétricos, Michael Soares Barbosa, concorda com ela e acredita que a escuridão ajude os assaltantes.

Na comparação do segundo trimestre de 2015 com o segundo trimestre de 2016, houve um aumento de mais de 20% nos casos de roubo no distrito. São 2.046 casos de janeiro até agora.

Transporte Público

Quem depende do transporte público precisa conviver com outro problema além dos assaltos: a falta de opções de itinerários de ônibus direto. A região do Itaim Paulista é atendida pela CPTM, mas os moradores dizem que os trens da linha 12-Safira estão constantemente com problemas.

* Com informações da Rádio CBN

Deixe seu comentário

comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here