Aplicativos de táxi oferecem descontos para enfrentar concorrência em São Paulo

Aplicativos oferecem descontos de até 30% para aumentar competitividade. Ideia de praticar preço promocional foi aprovada pelos próprios taxistas.

102
veículos internautas comprar crédito aplicativos

Aplicativos de táxi passaram a oferecer corridas com desconto em São Paulo para enfrentar a concorrência de serviços de transporte, como o Uber.

Motoristas de dois dos maiores aplicativos do ramo, a Easy Taxi e a 99 Taxis, podem, agora, optar por baixar voluntariamente o preço das corridas para atrair clientes. O desconto em ambas é custeado pelo próprio taxista.

O maior desconto, que é de 30%, é oferecido desde junho pelos taxistas credenciados na Easy Taxi. Já na 99 Taxis, o desconto é de 20% e passou a funcionar mais recentemente: ficou disponível a partir desta quinta-feira, dia 14 de julho, na capital paulista.

Em ambos os aplicativos, basta aos passageiros ativar a opção do preço promocional na hora de chamar o táxi. O desconto, porém, só é oferecido se o pagamento for efetuado por PayPal ou cartão de crédito no aplicativo.

Os taxistas não são obrigados a praticar o valor mais em conta. Eles terão a opção de ficar disponíveis ou não para as corridas promocionais. O abatimento acontece diretamente no valor final da corrida.

Procura maior

A Easy Taxi informou que realizou uma pesquisa com todos seus motoristas antes de prover o benefício. A ideia do desconto foi bem aceita pelos taxistas consultados e logo colocada em prática.

A primeira cidade a receber a novidade foi Belo Horizonte. Lá, o número de corridas feitas pelo aplicativo chegou a crescer 219% com a medida, segundo a empresa.

De acordo com Fernando Matias, diretor da Easy Taxi no Brasil, a expectativa é a de que em São Paulo o sucesso seja o mesmo. “Com a campanha de redução da tarifa, nossa expectativa é de um aumento considerável nas corridas de táxi”, disse ele.

A 99 Taxis afirmou que também passou a oferecer o desconto após uma iniciativa dos próprios taxistas. A cada 15 dias funcionários da empresa se reúnem com representantes dos motoristas e, em um destes encontros, surgiu a ideia de aumentar a competitividade no serviço.

“É uma maneira de dar ferramentas para o taxista competir. Ele tem a autonomia para decidir o preço cobrado, se será o normal ou com desconto”, disse o diretor de relações institucionais da 99, Pedro Somma.

Segundo ele, apesar da ferramenta ser recente, já é possível ver resultados: “A gente já tem em média 4 mil motoristas com o modo desconto ativado e picos de até 8 mil.”

Deixe seu comentário

comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here