Região de Sorocaba recebe os primeiros benefícios do transporte metropolitano

326
Sorocaba
Cidade de Sorocaba (Foto: Claúdia Ferreira)

Os primeiros benefícios no transporte metropolitano para a recém-criada Região Metropolitana de Sorocaba já estão sendo sentidos pelos passageiros. Nesse primeiro semestre, a região recebeu novos ônibus metropolitanos da EMTU, com investimentos privados de 2,6 milhões, além da entrega de carteiras de gratuidades Passe Livre, Passe Escolar e Pessoa com Deficiência.

A empresa também tem realizado sistematicamente fiscalizações na frota e, em um mês, terá seu escritório administrativo instalado. Resolução 59 da Secretaria dos Transportes Metropolitanos de 04/12/2015 atribuiu à EMTU a gestão dos transportes metropolitanos na região de Sorocaba. A partir daí, várias ações foram deflagradas.

Os resultados das atividades foram apresentados essa semana pelo presidente da EMTU, Joaquim Lopes, durante reunião do Conselho de Desenvolvimento da Região, ocorrido em Sorocaba. Participaram da reunião do conselho prefeitos e representantes das cidades que compõe a Região Metropolitana de Sorocaba.

Segundo o presidente, a EMTU transporta hoje 1,4 milhão de passageiros/mês, distribuídos nos 26 municípios da região. São 84 linhas, com nove empresas permissionárias. A média de idade da frota é de 5,5 anos, sendo que 55% já dispõem de itens de acessibilidade para pessoas com deficiência.

“A região é de extrema importância para o Estado e o transporte metropolitano será aprimorado cada vez mais em benefício dos usuários. As pessoas precisam ter boas opções de transporte para trabalhar, estudar e se divertir. Isso é mobilidade, um direito do cidadão paulista”, destacou o presidente.

Nesse sentido, além da nova frota, a equipe da EMTU já atua em garagens, por meio de inspeção e vistorias periódicas, e na fiscalização dos itinerários para controlar a qualidade dos veículos e o atendimento aos passageiros. A partir desse mês, duas equipes de fiscalização também estão realizando diariamente operações de notificação aos operadores do sistema fretamento com o objetivo de orientá-los em como proceder para a regularização da empresa junto à Secretaria dos Transportes Metropolitanos e a EMTU.

Este tipo de ação precede as operações de blitz que visam coibir o transporte clandestino de passageiros na região. “ No segundo semestre estaremos atuando no sistema de transporte escolar – modalidade de fretamento que estamos iniciando agora com cadastramento de frota”, adianta o presidente.

No caso das gratuidades, milhares de passageiros da região já foram beneficiados. Cerca de 2550 carteiras de estudantes foram emitidas, entre Passe Livre e Passe Escolar, além de 400 carteiras para passageiros com deficiência. As cidades de Boituva e Votorantim já tiveram duas grandes entregas coletivas das carteiras às pessoas com deficiência, que agora podem se locomover entre as cidades.

Ainda segundo Joaquim Lopes, está previsto para o próximo mês a instalação do Escritório Administrativo da EMTU em Sorocaba e aquisição de área do Departamento de Estradas e Rodagem para implantação do pátio de apreensão de veículos e valeta para as inspeções veiculares.

Deixe seu comentário