Cresce o uso do Bilhete Único Mensal em São Paulo

129

O uso do Bilhete Único Mensal cresceu 163% em 2015, levando-se em consideração a média de embarques por dia útil entre janeiro e julho. A média diária aumentou de 74.562 embarques feitos com o cartão, no período entre janeiro e julho do ano passado, para 196.215 embarques no mesmo período deste ano.

O Bilhete Mensal foi lançado em novembro de 2013 com o propósito de favorecer os paulistanos que utilizam os ônibus com maior frequência em seus deslocamentos. Atualmente, a cota dessa modalidade custa R$ 140,00, uma tarifa congelada desde o lançamento do cartão. Com ela é possível usar os coletivos livremente por 31 dias e economizar já a partir da 41ª viagem. A cota integrada com trem ou metrô custa R$ 230,00.

Segundo a SPTrans, gestora do sistema de transporte público municipal, a tendência de adesões à modalidade temporal é crescer ainda mais, em razão da economia que proporciona aos usuários.

Vale lembrar que a tarifa de ônibus na cidade subiu em 6 de janeiro de 2015, passando de R$ 3,00 para R$ 3,50. Apesar disso, a cota do Bilhete Mensal é a mesma desde novembro de 2013. Junto com o reajuste da tarifa, foi criado também o Passe Livre Escolar, benefício que já conta com mais de 500 mil estudantes cadastrados. E, em 2014, homens a partir de 60 anos passaram a ter direito à gratuidade nos ônibus.

Além do Bilhete Mensal, a SPTrans mantém também as modalidades temporais Semanal e Diário que oferecem vantagem econômica para quem precisa usar os ônibus em seus deslocamentos mais de uma vez por dia, porém por um período de tempo menor do que um mês.

Deixe seu comentário

comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here