21.2 C
São Paulo
segunda-feira, abril 15, 2024

Justiça aceita nova denúncia sobre cartel nas licitações do metrô de SP

A Justiça aceitou uma nova denúncia do Ministério Público sobre a formação de cartel nas licitações de trens do Metrô de São Paulo. Seis funcionários de quatro empresas irão responder criminalmente por suspeita de participação na fraude.

O promotor Marcelo Mendroni denunciou seis funcionários que representavam as empresas Alstom, Temoinsa, Tejofran e MPE. Eles são acusados de agir em nome das companhias para formação de um cartel para reformar 98 trens das linhas mais movimentadas do Metrô de São Paulo.

O Ministério Público diz que a concorrência que aconteceu entre os anos de 2008 e 2009, durante governo do PSDB, foi fraudada.

A juíza Cynthia Maria da Silva diz na decisão que “a documentação reunida pelo MP revela o envolvimento dos réus nos fatos criminosos sob apuração”. Já na denúncia oferecida pelo promotor Marcelo Mendroni são apresentadas como provas tabelas feitas pelas empresas acertando a divisão dos contratos.

A juíza negou o pedido feito pelo MP de prisão preventiva do executivo César Ponce de Leon, que, segundo o MP, está fora do país. Na decisão, a juíza argumentou que o fato dele estar no exterior, não demonstra perigo para as investigações.

Desde agosto de 2013, quando o Ministério Público começou a investigar o caso do cartel do Metrô e dos trens de São Paulo, sete denúncias criminais foram feitas. A Justiça aceitou seis.

O Ministério Público está recorrendo da única decisão que foi negativa e o promotor Marcelo Mendroni disse que ainda prepara, pelo menos, outras duas denúncias contra os suspeitos.

Em nota, o PSDB de São Paulo informa que apoia as investigações e espera que o caso seja esclarecido e os culpados punidos.

Também em notas, o grupo Tejofran negou qualquer participação em cartel e defendeu a lisura dos seus funcionários. A Alstom não quis comentar a nova denúncia. MPE e Temoinsa, não foram localizados os responsáveis para prestar esclarecimentos.

Fonte: Hora 1

MOBILIDADE SAMPA

Siga o Mobilidade Sampa nas redes sociais e fique informado sobre a mobilidade urbana de São Paulo e Região Metropolitana:

  • Twitter
  • Instagram
  • Telegram
  • Facebook
  • YouTube
  • LinkedIn
  • Eduardo Paulino
    Eduardo Paulinohttps://eduardopaulino.com
    Paulistano, empresário, aquariano e prestativo. É apaixonado pelos temas marketing digital, mobilidade urbana, recursos humanos e empreendedorismo. É o criador dos sites de mobilidade do Grupo PLN. Quer entrar em contato com o Eduardo? Conecte com ele no LinkedIn ou envie um e-mail para eduardo@mobilidadesampa.com.br.

    ÚLTIMOS POSTS

    SIGA-NOS

    6,317SeguidoresSeguir
    28,236SeguidoresSeguir
    439InscritosInscrever
    PUBLICIDADE

    ÚLTIMOS POSTS