Árvore de grande porte cai na praça da República, no centro de SP

Uma árvore de grande porte caiu nesta quarta-feira (17) na praça da República, no centro de São Paulo. Não há informações sobre pessoas feridas.

De acordo com policiais militares que trabalham na praça, o acidente ocorreu por volta da 0h30. Em nota, a subprefeitura da Sé afirmou que já começou a remoção dos galhos e troncos. A operação foi interrompida nesta tarde e deve ser terminada na quinta-feira (18).

Não há informações sobre o motivo da queda, mas a raiz da árvore se desprendeu do solo. Outras árvores menores também foram derrubadas pela maior.

Segundo a subprefeitura, um levantamento feito em março já havia identificado a necessidade de remoção da árvore que caiu e outros dez exemplares. Porém, como a área é tombada como patrimônio histórico e cultural, a retirada foi submetida à aprovação do Condephaat (Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico Arqueológico, Artístico e Turístico), que ainda não se pronunciou sobre o caso, de acordo com a subprefeitura.

A circulação de pedestres não foi prejudicada porque a árvore caiu dentro de um lago da praça. Mesmo assim, parte da área foi isolada.

Hélio Lemos, 68, dono de uma banca de jornais localizada na praça, afirma que chegou ao local por volta das 6h e ouviu relatos de que ninguém se feriu. “Foi uma sorte porque a a árvore caiu dentro do lago e era um horário de pouco movimento.”

O botânico Ricardo Cardim disse que essa espécie de árvore é uma falsa seringueira, com cerca 60 anos. Segundo ele, é incomum que elas arranquem a raiz durante uma queda.

“Essa espécie geralmente se parte no meio quando cai. Esse caso na República é um ponto fora da curva, ainda mais num dia que não teve nada de especial, como uma forte chuva, que justificasse a queda”, afirmou o botânico.

Cardim disse ainda que não é possível culpar a prefeitura por falta de manutenção porque não há sinais que evidenciam isso, como tronco oco e a presença de cupins. Ele destacou, porém, que a grande quantidade de lixo no solo da área pode ter causado um problema estrutural na raiz da planta.

“A árvore pode ter sido plantada num local com muito lixo e entulho. Com o tempo, a raiz dela cresceu e teve a sua sustentação prejudicada por esses materiais em meio à terra. Mas só uma análise detalhada pode dar um parecer final sobre o que causou a queda”, disse o botânico Ricardo Cardim.

Fonte: Folha de São Paulo